Movimentos e centrais marcam atos em todo o país em defesa de Lula

Revista ihu on-line

Grande Sertão: Veredas. Travessias

Edição: 538

Leia mais

Grande Sertão: Veredas. Travessias

Edição: 538

Leia mais

A fagocitose do capital e as possibilidades de uma economia que faz viver e não mata

Edição: 537

Leia mais

A fagocitose do capital e as possibilidades de uma economia que faz viver e não mata

Edição: 537

Leia mais

Juventudes. Protagonismos, transformações e futuro

Edição: 536

Leia mais

Juventudes. Protagonismos, transformações e futuro

Edição: 536

Leia mais

Mais Lidos

  • Livro analisa os teólogos, a virada ecumênica e o compromisso bíblico do Vaticano II

    LER MAIS
  • Desigualdade bate recorde no Brasil, mostra estudo da FGV

    LER MAIS
  • Adaptando-se a uma ''Igreja global'': um novo comentário internacional sobre o Vaticano II. Artigo de Massimo Faggioli

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

13 Julho 2017

Movimentos populares e centrais sindicais, encabeçados pela Frente Brasil Popular, fazem atos em pelo menos três cidades.

A reportagem é publicada por Brasil de Fato, 12-07-2017.

Após a divulgação da sentença deferida pelo juiz de primeira instância Sergio Moro, que condena o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a 9 anos e 6 meses de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro, no caso do triplex do Guarujá, no litoral sul de São Paulo, movimentos populares e centrais sindicais, encabeçados pela Frente Brasil Popular, organizam atos em pelo menos cinco capitais: São Paulo, Brasília, Salvador, Porto Alegre e Belo Horizonte. A cidade de Maringá, no Paraná, e São José do Rio Preto, no interior de São Paulo, também confirmaram mobilizações.

Na capital paulista, o ato está marcado para as 17h, em frente ao MASP (Museu de Arte de São Paulo), tradicional ponto de manifestação da cidade. Na chamada do ato, os movimentos utilizam palavras de ordem como “Contra o golpe!”, “Contra o fascismo!” e “Contra as prisões arbitrárias!”.

Em Recife, ato ocorrerá às 19h no Sindicato dos Bancários, na Av. Manoel Borba, com a presença do economista Luiz Gonzaga Belluzzo.

Em Brasília, o “Ato em da militância em solidariedade ao Companheiro Lula”, acontecerá no auditório da Central Única dos Trabalhadores (CUT) local, a partir das 18h.

Já em Salvador, a chamada para o evento, que acontece neste momento, no Campo da Pólvora, na região do bairro de Nazaré, conclama “todos os partidos de esquerda, centrais sindicais, sindicatos, militantes, movimentos sociais e populares a se fazerem presentes em frente ao fórum Rui Barbosa” para “Ato de solidariedade em defesa do ex-presidente Lula”.

Em Porto Alegre, ato será realizado à partir das 17h30 em frente à sede do PT, na Rua General Lima e Silva, 140, no Centro Histórico da cidade.

Em Maringá, no Paraná, a mobilização ocorre às 18h, em frente à sede da Justiça Federal na cidade.

A partir das 18h, o auditório da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, em Belo Horizonte, uma plenária em solidariedade ao ex-presidente Lula. Na reunião, os movimentos também preparam um grande ato nacional, que aconteceria na próxima quinta-feira (13).

Em São José do Rio Preto, no interior de São Paulo, movimentos populares organizam um ato às 17h, em frente ao Terminal Urbano, na rua Pedro Amaral, no centro da cidade.

No Mato Grosso o ato será na capital, Cuiabá, às 19h, na Central Única dos Trabalhadores (CUT), na Rua São Benedito, 874.

O ato na Central Única dos Trabalhadores (CUT) do Ceará, em solidariedade a Lula, será nesta quinta-feira (13), na sede do sindicato à rua Solon Pinheiro, 915.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Movimentos e centrais marcam atos em todo o país em defesa de Lula - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV