Indígenas ocupam escritório da Norte Energia durante protesto em Altamira

Revista ihu on-line

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Ontologias Anarquistas. Um pensamento para além do cânone

Edição: 543

Leia mais

Ontologias Anarquistas. Um pensamento para além do cânone

Edição: 543

Leia mais

Ontologias Anarquistas. Um pensamento para além do cânone

Edição: 543

Leia mais

Vilém Flusser. A possibilidade de novos humanismos

Edição: 542

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Vilém Flusser. A possibilidade de novos humanismos

Edição: 542

Leia mais

Vilém Flusser. A possibilidade de novos humanismos

Edição: 542

Leia mais

Ontologias Anarquistas. Um pensamento para além do cânone

Edição: 543

Leia mais

Ontologias Anarquistas. Um pensamento para além do cânone

Edição: 543

Leia mais

Ontologias Anarquistas. Um pensamento para além do cânone

Edição: 543

Leia mais

Vilém Flusser. A possibilidade de novos humanismos

Edição: 542

Leia mais

Vilém Flusser. A possibilidade de novos humanismos

Edição: 542

Leia mais

Vilém Flusser. A possibilidade de novos humanismos

Edição: 542

Leia mais

Mais Lidos

  • Um novo documento anti-Francisco com cem assinaturas: “Atos sacrílegos durante o Sínodo, precisa se arrepender”

    LER MAIS
  • Por que o fim do DPVAT é mais um golpe no financiamento do SUS

    LER MAIS
  • Plano de Guedes constitucionaliza drenagem de recursos dos pobres para os ricos

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

02 Dezembro 2016

Escritório de assuntos indígenas da empresa foi ocupado nesta terça, 29. Ações cobradas em aldeias estão dentro de cronograma, diz a Norte Energia.

A reportagem é publicada por G1rural, 30-11-2016.

Índios da etnia Juruna ocupam desde a manhã desta terça-feira (29) em Altamira, no sudoeste do Pará, o prédio do Escritório de Assuntos Indígenas da Norte Energia, empreendedora da usina hidrelétrica de Belo Monte. Os manifestantes afirmam que não têm prazo para deixar o escritório e ameaçam ocupar também o prédio da funai.

Os indígenas denunciam atrasos em obras da Norte Energia nas aldeias e cobram melhorias estruturais nas localidades afetadas pela construção da usina. Em nota, a Norte Energia afirma que as ações nas aldeias afetadas estão dentro do cronograma estabelecido no licenciamento ambiental.

Segundo as reivindicações dos índios, as melhorias estruturais cobradas no protesto desta terça deveriam ter sido executadas em 2001, mas não foram concluídas. Os juruna reclamam ainda das condições da água nas aldeias e da invasão de terras indígenas por grupos reassentados pela Norte Energia.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Indígenas ocupam escritório da Norte Energia durante protesto em Altamira - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV