Atingidos pela Samarco começam marcha pelo caminho da lama

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • Covid-19: 'Pandemia no Sul caminha para agravamento sem precedentes', diz epidemiologista

    LER MAIS
  • Ailton Krenak: “A Terra pode nos deixar para trás e seguir o seu caminho”

    LER MAIS
  • Alemanha. 76 irmãs franciscanas de um mesmo mosteiro testam positivo ao coronavírus

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


01 Novembro 2016

Foi dada a largada na marcha dos atingidos pelo crime da Samarco (Vale/BHP Billiton). A atividade começou na manhã dessa segunda-feira (31), em Regência (ES), no local de encontro entre o rio Doce e o mar.


Foto: MAB.

A reportagem é publicada por MAB, 31-10-2016.

No estado são sete municípios atingidos, mas apenas quatro foram reconhecidos pela empresa criminosa. São eles: São Mateus, Jaguaré, Aracruz; e os reconhecidos são Baixo Guandu, Colatina, Linhares e Marilândia.

Pelo caminho contrário à lama, a marcha segue até Mariana (MG), onde será realizado o Encontro dos Atingidos da bacia do Rio Doce, entre os dias 2 e 5 de novembro.

As mobilizações são realizadas na mesma semana do aniversário de um ano do rompimento da barragem de rejeitos de Fundão, que matou 19 pessoas e deixou centenas de pessoas desabrigadas.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Atingidos pela Samarco começam marcha pelo caminho da lama - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV