Mujica e Bernie Sanders, ao Vaticano com os movimentos populares

Revista ihu on-line

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Ontologias Anarquistas. Um pensamento para além do cânone

Edição: 543

Leia mais

Ontologias Anarquistas. Um pensamento para além do cânone

Edição: 543

Leia mais

Mais Lidos

  • O Papa doa aos pobres um prédio de luxo a poucos passos de São Pedro

    LER MAIS
  • Arautos do Evangelho. Vaticano retoma a intervenção

    LER MAIS
  • “Infelizmente, a história da escravidão é contada por pessoas brancas”. Entrevista com Laurentino Gomes

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

07 Outubro 2016

O ex-presidente uruguaio José “Pepe” Mujica e o senador estadunidense Bernard “Bernie” Sanders participarão, em novembro próximo, no Vaticano, do 3º Encontro Mundial de Movimentos Populares.

A reportagem é publicada por Diario Jornada, 05-10-2016. A tradução é de André Langer.

Mujica estará em Roma nos dias 4 e 5 de novembro como convidado do encontro que acontecerá no Vaticano com o apoio do Pontifício Conselho Justiça e Paz com o objetivo de “promover o protagonismo dos trabalhadores de todo o mundo que atuam na luta pela terra, casa e trabalho”, confirmou Télam a partir de fontes próximas ao ex-presidente, que exerceu o seu cargo entre 2010 e 2015.

Do encontro, que busca, além disso, “reforçar o diálogo e a cooperação entre os movimentos populares e entre eles e a pastoral social da Igreja”, também participará o senador pelo Estado de Vermont, Bernie Sanders, ex-pré-candidato à presidência pelo Partido Democrata de seu país, segundo o programa do encontro ao qual o Télam teve acesso.

Entre os mais de 180 dirigentes de movimentos populares de todo o mundo que vão se reunir no Vaticano nesses dias também estará João Pedro Stédile, do Movimento Sem Terra do Brasil, e Xaro Castelló, da Fraternidade Operária de Ação Católica (HOAC) e do Movimento Mundial de Trabalhadores Cristãos (MMTC) da Espanha.

O evento, que acontecerá de 02 a 05 de novembro e que incluirá uma audiência geral dos participantes com o Papa Francisco, debaterá sobre “o território e os bens naturais”; “a natureza do Estado e a necessidade das democracias participativas” e “o tema dos refugiados e deslocados”, segundo o programa do encontro.

A primeira edição do encontro aconteceu em Roma em outubro de 2014, ao passo que a segunda edição aconteceu em julho do ano passado na Bolívia, ambas com ativa participação do dirigente argentino Juan Grabois, nomeado consultor do Pontifício Conselho em junho passado.

Mujica, candidato ao Prêmio Nobel da Paz em 2013 e atual senador, visitou o Papa Francisco uma vez como presidente, em 2013, e outra vez no ano passado já como senador.

Sanders, por sua vez, participou em abril deste ano de um evento organizado pela Academia de Ciências do Vaticano sobre a Encíclica Cestesimus Annus.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Mujica e Bernie Sanders, ao Vaticano com os movimentos populares - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV