Desmatamento zero é a esperança

Revista ihu on-line

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Do ethos ao business em tempos de “Future-se”

Edição: 539

Leia mais

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Do ethos ao business em tempos de “Future-se”

Edição: 539

Leia mais

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Do ethos ao business em tempos de “Future-se”

Edição: 539

Leia mais

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Do ethos ao business em tempos de “Future-se”

Edição: 539

Leia mais

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Do ethos ao business em tempos de “Future-se”

Edição: 539

Leia mais

Mais Lidos

  • O psicanalista analisa o "vazio de sentido". "A técnica domina, a política não decide, os jovens consomem e ponto". Entrevista com Umberto Galimberti

    LER MAIS
  • ''Estamos vendo o início da era da barbárie climática.'' Entrevista com Naomi Klein

    LER MAIS
  • Necropolítica Bacurau

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

31 Agosto 2016

O desmatamento ainda é um problema grave no Brasil, perdemos todos os anos mais de 5 mil quilômetros quadrados de florestas só na Amazônia. Levantamentos indicam que 2016 será um ano recorde de queimadas, com graves consequências para as florestas, o clima e as pessoas.

A campanha é do Greenpeace Brasil, 31-08-2016.

A falta de ambição de governos com o fim do desmatamento faz com que um cenário de destruição e incêndios florestais se intensifique. O resultado disso é o aumento das emissões de gases do efeito estufa responsáveis pelo aquecimento global, que contribuem para as mudanças climáticas que afetam à todos.

Não podemos ficar parados e assistir essa destruição que se repete ano a ano. Por isso, em 2015, entregamos o Projeto de Lei pelo Desmatamento Zero no Congresso Nacional. Agora precisamos lutar para que o projeto siga adiante, pressionando nossos deputados e senadores para que atendam a revindicação do povo brasileiro, pois o clima não vai mais esperar.

Se você ainda não assinou a petição, assine. Nunca é tarde para demonstrar seu apoio à proteção das florestas. Mas se você já assinou, ajude a manter esta chama acesa, levando o assunto para o debate em todos os cantos do país.

As florestas em pé trazem diversos benefícios à toda sociedade, elas são fundamentais para assegurar o equilíbrio do clima e parte vital do ciclo da água. A continuidade do desmatamento pode comprometer os serviços ambientais que elas nos prestam.

Veja aqui alguns caminhos para o Desmatamento Zero.

Faça parte deste movimento. Assine, compartilhe e ajude a salvar o verde do Brasil.

Leia mais...

Soja, gado, madeira e palma respondem por um terço do desmatamento mundial

Sociedade civil pede mais ousadia na luta contra o desmatamento

Imazon detecta aumento de quase 100% no desmatamento da Amazônia em junho

Evolução do desmatamento na Amazônia

É possível zerar o desmatamento na Amazônia brasileira?

Fim do desmatamento não salvará a floresta amazônica

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Desmatamento zero é a esperança - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV