47 instituições católicas anunciam seu desinvestimento de combustíveis fósseis

Revista ihu on-line

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Mais Lidos

  • “Os pecados da carne não são os mais graves. Os mais graves são aqueles que têm mais 'angelicalidade': a soberba, o ódio”. Entrevista do Papa Francisco

    LER MAIS
  • Digital, serial, algorítmica, a cultura do século XXI chegou

    LER MAIS
  • Ômicron, natureza e arrogância humana: uma guerra entre patógenos e humanos. Artigo de Alexandre A. Martins

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


17 Novembro 2020

Nesta segunda-feira, importantes instituições religiosas anunciaram seu desinvestimento de combustíveis fósseis. Na Europa, COMECE, a Comissão das Conferências Episcopais da UE, anunciou o seu compromisso. Na Espanha, a Diocese de Vitória e a paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro de Zaragoza também aderiram ao anúncio.

A reportagem é publicada por Religión Digital, 16-11-2020. A tradução é de Wagner Fernanades de Azevedo.

Ao todo, são 47 instituições religiosas que vão anunciar seu desinvestimento de combustíveis fósseis, que é o maior anúncio conjunto na história de desinvestimento entre líderes religiosos.

A promessa de se desfazer dos combustíveis fósseis é a primeira após a publicação do primeiro guia operacional do Vaticano sobre ecologia. Essas diretrizes, que foram emitidas em conjunto por todos os dicastérios do Vaticano, incentivaram os católicos a evitar investimentos em empresas que “prejudiquem a ecologia humana ou social (por exemplo, por meio do aborto ou do comércio de armas) ou ecologia ambiental. (por exemplo, pelo uso de combustíveis fósseis)”.

No contexto de maciços investimentos domésticos em resposta à crise da covid-19 e à sua recuperação, o destino dos investimentos é ainda mais significativo. Como o país enfrenta o desafio de restrições na vida diária, há uma oportunidade de apoiar indústrias que, em conjunto, protegem o emprego e a saúde humana, como a indústria de energia limpa.

O compromisso dos católicos com a energia limpa faz parte da tradição da Doutrina Social da Igreja. Este mês marca o 50º aniversário das palavras do papa Paulo VI, que afirmou que “tudo se relaciona [...] segundo o desejo amoroso do Criador”, e alertou para o perigo de “conduzir a uma verdadeira catástrofe ecológica”. Por sua vez, o papa Francisco em Laudato Si', sua encíclica de 2015, lembrou que “tudo está interligado” em “uma única e complexa crise socioambiental” e acrescentou que “ainda não temos a cultura necessária para enfrentá-la".

Até o momento, um total de quase 400 instituições religiosas se desfizeram dos combustíveis fósseis. A lista completa das instituições católicas está aqui.

Luis Antonio Preciado, diretor do Secretariado Social da Diocese de Vitória, disse: “Quando você dá os primeiros passos, vê que não é tão difícil, mas para quem não dá parece impossível. A mensagem é simples; você tem que seguir seu caminho. Esta é uma mensagem que para a grande maioria da sociedade é aceitável e bem-vinda”.

O padre Manuel Enrique Barrios Prieto, secretário-geral da COMECE, declarou: “A COMECE se junta ao movimento católico de desinvestimento dos combustíveis fósseis. Também encorajamos outros a se juntarem a nós na tomada de medidas concretas para resolver a crise climática. Os compromissos do Acordo Climático de Paris são importantes, e o Green Deal Europeu é uma forma de fazê-lo. Resolver a crise climática protege a família humana dos perigos de um mundo em aquecimento, e agora mais ações decisivas são necessárias que nunca”.

 

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

47 instituições católicas anunciam seu desinvestimento de combustíveis fósseis - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV