CELAM considera a possibilidade de uma VI Conferência Geral do Episcopado Latino-americano

Revista ihu on-line

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Mais Lidos

  • Reitor da Unisinos rejeita medalha oferecida pelo Itamaraty

    LER MAIS
  • Carta dos epidemiologistas à população brasileira

    LER MAIS
  • A Bíblia como vocês nunca leram

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


21 Mai 2019

No encerramento da 37a Assembleia Geral do Conselho Episcopal Latino-americano (CELAM), que terminou em Tegucigalpa no sábado 18 de maio, o Departamento de Comunicação e Impressa do CELAM anunciou que o órgão eclesiástico considera a possibilidade de realizar uma VI Conferência Geral do Episcopado Latino-Americano e Caribenho.

A reportagem é de Óscar Elizalde Prada, publicada por Vida Nueva Digital, 19-05-2019. A tradução é do Cepat.

Quando se completa 12 anos da V Conferência, realizada em Aparecida (Brasil), em maio de 2007, o episcopado latino-americano considera necessário "enfrentar os novos desafios que surgem no continente".

A questão da realização de uma nova Conferência Geral já havia sido levantada na 36ª Assembleia Geral do CELAM, realizada em San Salvador, há dois anos, mas não prosperou.

Voz profética

Nesta oportunidade, no contexto da reestruturação pastoral aprovada pelos representantes das 22 Conferências Episcopais da América Latina, em Tegucigalpa, se estimou a relevância de uma VI Conferência "para ser uma voz profética em meio a tantas situações problemáticas".

Além disso, segundo o CELAM, é necessário "fortalecer a unidade da Igreja latino-americana e caribenha", nestes tempos, "para revigorar a tarefa evangelizadora".

Diretrizes 2019-2023

Com a possibilidade de uma VI Conferência, a comissão dos oito bispos eleitos para realizar a reestruturação do CELAM, juntamente com a nova Presidência, assumirá um papel de liderança diante das diretrizes definidas pela 37ª Assembleia Geral, que marcarão o caminhar da Igreja Latino-Americana durante o quadriênio 2019-2023.

Com uma periodicidade que oscilou entre 11 e 15 anos, as cinco Conferências Gerais do CELAM são consideradas autênticos 'marcos' da história recente da Igreja Católica na América Latina e no Caribe. Isto é confirmado pelas opções pastorais que emergiram do Rio de Janeiro (1955), Medellín (1968), Puebla (1979), Santo Domingo (1992) e Aparecida (2007).

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

CELAM considera a possibilidade de uma VI Conferência Geral do Episcopado Latino-americano - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV