Em Roma, na festa de Corpus Christi, o Papa Francisco usa o báculo de aço, um presente dos metalúrgicos de Gênova

Revista ihu on-line

A virada profética de Francisco – Uma “Igreja em saída” e os desafios do mundo contemporâneo

Edição: 522

Leia mais

1968, um ano múltiplo – Meio século de um tempo que desafiou diversas formas de poder

Edição: 521

Leia mais

Fake news – Ambiência digital e os novos modos de ser

Edição: 520

Leia mais

A virada profética de Francisco – Uma “Igreja em saída” e os desafios do mundo contemporâneo

Edição: 522

Leia mais

1968, um ano múltiplo – Meio século de um tempo que desafiou diversas formas de poder

Edição: 521

Leia mais

A virada profética de Francisco – Uma “Igreja em saída” e os desafios do mundo contemporâneo

Edição: 522

Leia mais

Fake news – Ambiência digital e os novos modos de ser

Edição: 520

Leia mais

1968, um ano múltiplo – Meio século de um tempo que desafiou diversas formas de poder

Edição: 521

Leia mais

Fake news – Ambiência digital e os novos modos de ser

Edição: 520

Leia mais

A virada profética de Francisco – Uma “Igreja em saída” e os desafios do mundo contemporâneo

Edição: 522

Leia mais

1968, um ano múltiplo – Meio século de um tempo que desafiou diversas formas de poder

Edição: 521

Leia mais

Fake news – Ambiência digital e os novos modos de ser

Edição: 520

Leia mais

Mais Lidos

  • A greve dos caminhoneiros e o Brasil 100% renovável e sem combustíveis fósseis

    LER MAIS
  • A irresponsabilidade de análises abstratas e tentações autoritárias nos extremos do espectro político

    LER MAIS
  • O que mais nos poderá surpreender? Nota pública da CPT sobre a soltura do mandante do assassinato de Dorothy Stang

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

19 Junho 2017


Foto: Il Sismografo

Um báculo de aço: presente dos trabalhadores metalúrgicos da fábrica Ilva, localizada em Gênova, como agradecimento pela visita que o Papa Francisco fez à fábrica em Cornigliano, no sábado, 27 de maio. "Os trabalhadores - explica a empresa - criaram o cajado, movidos por um grande sentimento de paixão, um objeto especial e simbólico para ser doado ao Papa Francisco. Um gesto para expressar seu imenso carinho e agradecimento por ter escolhido a Ilva como um local de encontro com o mundo do trabalho".

A informação é publicada por Il Sismografo, 18-06-2017. A tradução é de Luisa Rabolini.

Dentro da fábrica foi realizado o primeiro dos encontros da visita do Papa a Gênova. O cajado tem 170 cm de altura, pesa cerca de 3,5 quilos e levou um mês para ser realizado com aço inoxidável a partir de sucatas. É um tubo trabalhado em um torno mecânico, completo com alça, desmontável e transportável em uma maleta. A cruz tem a forma de Tau, símbolo da espiritualidade franciscana. Foi utilizado um pantógrafo com a técnica de corte a plasma extremamente precisa.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Em Roma, na festa de Corpus Christi, o Papa Francisco usa o báculo de aço, um presente dos metalúrgicos de Gênova - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV