Vaticano: Papa Francisco vai recordar o padre Jacques Hamel, assassinado durante Eucaristia em França

Revista ihu on-line

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Do ethos ao business em tempos de “Future-se”

Edição: 539

Leia mais

Do ethos ao business em tempos de “Future-se”

Edição: 539

Leia mais

Mais Lidos

  • Os bispos alemães enfrentam o Vaticano e seguem com seu sínodo

    LER MAIS
  • “Existe uma luta política na Igreja, entre os que querem a Igreja sonhada pelo Vaticano II e os que não” constata Arturo Sosa, superior-geral dos jesuítas

    LER MAIS
  • Sínodo da Amazônia revela sagacidade política do papa

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

14 Setembro 2016


Foto: Agência Ecclesia

Missa na Casa de Santa Marta, esta quarta-feira, com presença de peregrinos da Diocese de Rouen

Cidade do Vaticano, 13 set 2016 (Ecclesia) – O Papa Francisco vai ter como intenção da Missa desta quarta-feira o padre Jacques Hamel, manifestando proximidade aos familiares do sacerdote, que foi assassinado durante a Eucaristia, e a toda a comunidade francesa de Rouen.

A reportagem foi publicada por Agência Ecclesia, 13-09-2016.

A Sala de Imprensa do Vaticano informou que um grupo de 80 peregrinos da Diocese de Rouen (França) e o seu bispo, D. Dominique Lebrun, vão participar na Eucaristia em sufrágio do sacerdote assassinado a 26 de julho e a celebração vai ser transmitida, ao vivo, pelo CTV - Centro Televisivo Vaticano.

De recordar que dois homens armados com facas entraram durante a celebração da Missa na igreja de Saint-Etienne-du-Rouvray, nos arredores de Rouen, norte de França, onde fizeram vários reféns e assassinaram o padre Jacques Hamel, octogenário, antes de serem abatidos pela polícia.

A 18 de agosto, o Papa recebeu o presidente francês, numa audiência privada marcada pelo caso do assassinato do padre Jacques Hamel.

François Hollande quis levar ao Papa argentino “uma mensagem de reconhecimento, de gratidão” pelas palavras que Francisco deixou depois daquele “terrível atentado”.

Leia mais...

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Vaticano: Papa Francisco vai recordar o padre Jacques Hamel, assassinado durante Eucaristia em França - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV