Oceanos terão mais plásticos do que peixes em 2050

Revista ihu on-line

O Brasil na potência criadora dos negros – O necessário reconhecimento da memória afrodescendente

Edição: 517

Leia mais

Base Nacional Comum Curricular – O futuro da educação brasileira

Edição: 516

Leia mais

Renúncia suprema. O suicídio em debate

Edição: 515

Leia mais

Mais Lidos

  • Hikikomori, está crescendo: milhares de jovens em autorreclusão em casa

    LER MAIS
  • Qual é a tarefa dos cristãos na sociedade de hoje? A ''opção Bento'' e a heresia donatista. Artigo de Andreas Gonçalves Lind

    LER MAIS
  • Intervenção no Rio: mandados de busca coletiva são ilegais e criminalizam pobreza, afirmam juristas

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

20 Janeiro 2016

O uso maciço de plásticos é tamanho que os oceanos abrigarão mais detritos plásticos do que peixes em 2050 – informou ontem o Fórum Econômico Mundial de Davos (WEF). A revelação foi feita em um estudo da fundação da navegadora Ellen MacArthur e da consultoria McKinsey.

“O sistema atual de produção, utilização e descarte de plásticos tem efeitos negativos importantes: de US$ 80 bilhões a US$ 120 bilhões de embalagens plásticas são perdidos anualmente. Além do custo financeiro, sem nada em troca, os oceanos terão mais plástico do que peixes (em peso) até 2050”, informa um comunicado.

A informação foi publicada por Zero Hora, 20-01-2016.

Segundo o documento, a proporção de toneladas de plástico para toneladas de peixes era de uma para cinco em 2014 que será de uma para três em 2025 e vai ultrapassar uma para uma em 2050.

O fórum estima ser necessário “uma refundação total das embalagens e dos plásticos em geral” e a busca por alternativas ao petróleo como material de base para sua produção – pois caso nada mude, o plástico representará 20% da produção petroleira em 2050.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Oceanos terão mais plásticos do que peixes em 2050 - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV