López Obrador anuncia saída "amigável" do PRD

Revista ihu on-line

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Ontologias Anarquistas. Um pensamento para além do cânone

Edição: 543

Leia mais

Mais Lidos

  • “Uma nova educação para uma nova economia”: Prêmio Nobel de Economia, Joseph Stiglitz, ministrará videoconferência nesta quinta-feira

    LER MAIS
  • O enorme triunfo dos ricos, ilustrado por novos dados impressionantes

    LER MAIS
  • Família Franciscana repudia lei sancionada por Bolsonaro que declara o dia 04 de outubro, dia de São Francisco de Assis, como dia Nacional do Rodeio

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

10 Setembro 2012

O ex-candidato progressista à Presidência do México, Andrés Manuel López Obrador, anunciou neste domingo (09/09), diante de cerca de 100 mil apoiadores, sua saída do PRD (Partido da Revolução Democrática).

Em seu discurso de despedida, ele pediu a seus seguidores para decidirem, a parti do dia 12 de setembro, em assembleias populares, se a organização civil Morena (Movimentação de Renovação Nacional), comandada por ele, deve se transformar em um partido. As informações são da agência de notícias France Presse e reproduzida pelo sitio Opera Mundi, 09-09-2012.

"Vamos decidir se Morena continua como associação civil ou se constitui um partido político", afirma o líder da esquerda mexicana.

"Vou dedicar toda minha imaginação e trabalho à causa da transformação do México e farei isso pelo Morena. Por esse motivo, me separarei dos partidos do Movimento Progressista", disse López Obrador durante comício na praça Zócalo, região central da Cidade do México.

Esta foi a primeira concentração popular liderada por Obrador depois que  o Tribunal Eleitoral do México validou a eleição presidencial, no dia 31 de agosto, em que Obrador foi derrotado pelo candidato do PRI (Partido Revolucionário Institucional), Enrique Peña Nieto, por 31,6% contra  38,2% dos votos respectivamente.

Obrador garantiu que sua saída ocorreu amigavelmente. “Não se trata de uma ruptura” com o PRD, o Movimento Cidadão e o Partido do Trabalho, grupos políticos que apoiaram sua candidatura através da aliança Movimento Progressista em 2006 e 2012.

"Agradeço em especial aos militantes do PRD, partido do qual participei desde sua formação, pelo qual fui dirigente nacional e onde militei por 23 anos. Deixo no PRD muitos amigos", declarou.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

López Obrador anuncia saída "amigável" do PRD - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV