Suplicy é hostilizado por PMs ao tentar ajudar moradores de rua

Revista ihu on-line

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Ontologias Anarquistas. Um pensamento para além do cânone

Edição: 543

Leia mais

Mais Lidos

  • Não posso me calar

    LER MAIS
  • Estudantes, trabalhadores e sonhadores. Quem eram os jovens que morreram após ação da PM em baile funk

    LER MAIS
  • O que muda (para pior) no financiamento do SUS

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

18 Março 2015

   
 

Foto: Reprodução/Facebook

O Secretário de Direitos Humanos Eduardo Suplicy (PT) foi hostilizado pela Polícia Militar de São Paulo na tarde desta terça-feira (17) ao tentar ajudar dois moradores de rua que estavam sendo abordados de forma violenta no Páteo do Colégio, centro de São Paulo.

A informação é publicada por RedeTV!, 17-03-2015.

Segundo a assessoria da Secretaria Municipal de Direitos Humanos, o secretário não chegou a ser agredido fisicamente, mas foi 'maltratado' por policiais que não o teriam reconhecido. Depois de discutir com o ex-senador de 73 anos de idade, os PMs teriam inclusive pedido seus documentos.

Ainda de acordo com a assessoria, Suplicy estava apenas tentando defender os homens diante da violência com a qual os policiais estariam agindo.

A Secretaria de Segurança Pública foi procurada e informou que está apurando o ocorrido.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Suplicy é hostilizado por PMs ao tentar ajudar moradores de rua - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV