Jesuíta Van der Lugt é assassinado na Síria

Revista ihu on-line

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Mais Lidos

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


07 Abril 2014

O padre católico holandês Frans Van der Lugt, jesuíta, foi assassinado na manhã de hoje, 07-04-2014, às 8 horas, na frente da residência dos jesuítas em Homs, por um grupo de homens armados.

A informação é publicada por Il Sismógrafo, 07-04-2014.

A notícia da morte do padre Van der Lugt, 75 anos, foi dada pela agência AP e confirmada pelo padre Alex Bassili, da Cúria provincial do Oriente Médio e do Maghreb.

Há alguns meses, Giorgio Bernardelli, narrava: "Originário da Holanda, padre van der Lugt vive no Oriente Médio já há 50 anos. Na Síria chegou em 1966, depois de um período transcorrido no Líbano para aprender a língua árabe. Ele chegou com uma experiência humana muito particular: um religioso que também é psicoterapeuta. Uma experiência que se revelou preciosa ao construir pontes de paz e de compreensão entre cristãos e muçulmanos".

Veja também:

 

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Jesuíta Van der Lugt é assassinado na Síria - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV