Centenas de crianças são abandonadas durante o trajeto México- EUA

Mais Lidos

  • Católicos cínicos e a negatividade em relação ao Papa Francisco. Artigo de Massimo Faggioli

    LER MAIS
  • Influenciadores ou evangelizadores digitais católicos? Artigo de Dom Joaquim Mol

    LER MAIS
  • Campanha da Fraternidade 2024: Fraternidade e Amizade Social. Artigo de José Geraldo de Sousa Junior e Ana Paula Daltoé Inglêz Barbalho

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Revista ihu on-line

Zooliteratura. A virada animal e vegetal contra o antropocentrismo

Edição: 552

Leia mais

Modernismos. A fratura entre a modernidade artística e social no Brasil

Edição: 551

Leia mais

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

31 Março 2014

A agentes da Patrulha de Fronteira americana fazem ronda ao longo da cerca fronteiriça enquanto buscam por pegadas em 15-11-2-13, na cidade de Caléxico, Califórnia

Foto: John Moore - Afp

No México, autoridades encontraram mais de 370 crianças deixadas para trás por traficantes de pessoas enquanto tentavam entrar nos Estados Unidos.

O Instituto Nacional de Migração disse que este alto número de crianças, provindas de diferentes países da América Central, foram descobertas num período de apenas uma semana no mês de março.

O número incluiu algumas das 163 crianças que foram abandonadas porque não estavam viajando junto de algum membro familiar adulto ou conhecido, informou o Instituto em comunicado.

A informação é divulgada pela Agence France-Presse – AFP, 30-03-2014. A tradução é de Isaque Gomes Correa.

Em muitos casos, as crianças foram deixadas em locais perigosos ou difíceis por guias, que recebem algo em torno de 3 a 5 mil dólares.

Elas foram encontradas entre os dias 17 e 24 de março em 14 estados americanos, diz o comunicado, sem especificar as idades ou nacionalidades das crianças.

“As crianças mostravam sinais de fadiga extrema, lesões nos pés, desidratação, desorientação e sem saber onde foram abandonadas”, acrescentou.

Autoridades prenderam nove suspeitos de tráfico em conexão com o caso.

O Instituto Nacional de Migração disse que o número de crianças imigrantes que fazem o trajeto pelo México “vem crescendo em níveis significativos” nos últimos meses.

Todo ano cerca 140 mil imigrantes sem documentos – a grande maioria da América Central – tentam fazer o perigoso trajeto envolvendo a fronteira do México com os Estados Unidos.

Muitos viajam com crianças e confiam nos “coiotes” para orientá-los na região em direção aos EUA.

Muitas vezes os imigrantes são alvos de gangues criminosas, sendo comum roubos, extorsão, estupros, sequestros e assassinatos.

Veja também:

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Centenas de crianças são abandonadas durante o trajeto México- EUA - Instituto Humanitas Unisinos - IHU