"Celebrar a vida em abundância": o desejo dos católicos e católicas LGBT+ no Brasil

Revista ihu on-line

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Mais Lidos

  • “Estamos em uma crise civilizatória que começou antes da pandemia”. Entrevista com Raúl Zibechi

    LER MAIS
  • “Essa ideia do fim da história é uma invenção dos conservadores”. Entrevista com Thomas Piketty

    LER MAIS
  • O bispo de Tonga: “A Oceania está em risco. É hora de nos ouvirem”

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


29 Novembro 2021

 

No fim de semana de 20 e 21 de novembro, aconteceu o III Encontro Nacional de Católicos LGBTQIAP+, organizado pela Rede Nacional de Grupos Católicos LGBT.

 

O evento incluiu celebrações, troca de experiências entre os 21 grupos da Rede representados no Encontro, apresentação de balanço das atividades realizadas pela equipe de coordenação no último triênio, debate de questões relacionadas à organização da Rede e eleição de uma nova equipe de coordenação para os próximos dois anos.

 

Juntas, as duas equipes de coordenação – a que articulou as ações da Rede de 2018 até aqui e a que assume os trabalhos a partir de agora – elaboraram uma carta relatando como foi o Encontro e celebrando o momento histórico vivido pela Rede.

 

Eis a carta.

 

CELEBRAMOS A VIDA EM ABUNDÂNCIA

 

Com os corações transbordando de alegria e entusiasmo, celebramos com vocês o significado profundo e imenso de nosso III Encontro Nacional de Católicos LGBTQIAP+, realizado no fim de semana de 20 e 21 de novembro.

 

Celebramos todas as pessoas que se apresentaram, de todas as comunidades que compõem a nossa Rede, e se engajaram na comissão organizadora do Encontro ao longo de dez meses, e nas equipes responsáveis pelas atividades de preparação para o Encontro. Todas as que participaram dessas atividades com seus grupos e se deixaram desafiar pelas reflexões propostas. Todas as que se comprometeram com as equipes envolvidas diretamente na construção do Encontro em si. Todas as que se inscreveram e representaram seus grupos, seja como participantes ou como delegadas. Todas as que se envolveram nas trocas, encontros, conversas e debates nas suas regiões, pensando e sonhando juntas a Rede que queremos ser.

 

Celebramos a dedicação, o compromisso, a generosidade da nossa comunidade de comunidades, membros do corpo santo de Cristo, tão rica em talentos, tão fértil em dons, tão abundante em Vida, mesmo nestes tempos tão profundamente desafiadores para todes nós. Mesmo em tempos de tantas perdas, de tanta dor individual e coletiva, pudemos nos reunir e ser Igreja uns para os outros, umas para as outras, atendendo ao chamado profético de denunciar a realidade de violência e de morte e anunciar a esperança de uma nova Vida para todas as pessoas. A partir do tema do nosso encontro, “Pra Vida ser sempre mais!”, e tomando como inspiração a palavra de Jesus no evangelho de João (10, 10), “Que todes tenham vida plenamente”, nós nos encontramos para celebrar a Vida e nos deixarmos abraçar pelo Amor de Cristo que nos une em comum unidade.

 

Celebramos o trabalho coletivo que nos permitiu construir nosso Encontro a dezenas de mãos. Organizamos um encontro virtual com 140 inscritos, com uma média de oitenta pessoas nas salas, engajadas em um total de sete horas de trabalho no sábado e seis horas no domingo. Fomos 21 comunidades do sul ao nordeste do Brasil, de dez estados diferentes, contando nossas histórias e compartilhando uma extraordinária diversidade de experiências; nos organizamos em sete grupos de trabalho para elaborar as metas estratégicas que vão nortear a caminhada da Rede pelos próximos dois anos; realizamos um debate de alta qualidade sobre um processo prolongado de revisão da nossa estrutura e organização a partir do diálogo e da escuta atenta e aprofundada das nossas comunidades.

 

No dia da festa de Cristo Rei, em que encerramos o ano litúrgico, nos despedimos da primeira equipe nacional que coordenou nossa Rede entre 2018 e 2021 e elegemos uma nova equipe de coordenação, que será responsável por articular os trabalhos no biênio que se inicia. A equipe que chega celebra a que sai, responsável por formar uma base calcada em valores de seriedade, compromisso, generosidade, horizontalidade e esperança. A equipe que sai celebra a que chega, composta por mais mulheres, por mais pessoas bissexuais, e majoritariamente por integrantes de grupos fora dos grandes centros, apontando para nossa vocação de caminhar e construir nas periferias da vida. Celebramos a generosidade de todas as pessoas que disponibilizaram seus talentos, seu tempo e sua energia para colaborar nas equipes de assessoria e comunicação. Celebramos a caminhada que virá.

 

Nosso Encontro chegou ao fim também no dia nacional dos leigos e leigas. E celebramos a história de nossos coletivos leigos, que tem sido tão fértil em frutos e pródiga em bênçãos, e os horizontes que se abrem à nossa frente. Que nosso caminho siga sendo de amadurecimento coletivo, construção consistente e diversidade de dons. Sigamos nos apoiando e nos fortalecendo em nosso testemunho de vida cristã, sendo para todes espaços seguros de encontro, partilha, escuta e aprendizado mútuos e celebração da nossa diversidade. Sejamos comunidades irmanadas na fé e na pluralidade de carismas e experiências, instrumentos da Palavra Viva e Encarnada de Deus nas vidas uns dos outros, umas das outras.

 

Ruah guie nossos passos nesta missão e nos abençoe abundantemente. Nossa Senhora Aparecida, nossa mãe negra, nos acolha e nos conforte em seu abraço. Sigamos, como Rede, fazendo Pentecostes em nossas vidas.

 

Equipe de coordenação 2018-2021
Equipe de coordenação 2021-2023

 

26 de novembro de 2021

 

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

"Celebrar a vida em abundância": o desejo dos católicos e católicas LGBT+ no Brasil - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV