Países pedem “elevado compromisso” contra aquecimento global

Mais Lidos

  • Católicos cínicos e a negatividade em relação ao Papa Francisco. Artigo de Massimo Faggioli

    LER MAIS
  • Influenciadores ou evangelizadores digitais católicos? Artigo de Dom Joaquim Mol

    LER MAIS
  • Campanha da Fraternidade 2024: Fraternidade e Amizade Social. Artigo de José Geraldo de Sousa Junior e Ana Paula Daltoé Inglêz Barbalho

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Revista ihu on-line

Zooliteratura. A virada animal e vegetal contra o antropocentrismo

Edição: 552

Leia mais

Modernismos. A fratura entre a modernidade artística e social no Brasil

Edição: 551

Leia mais

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

18 Novembro 2016

Perto de 200 países pediram na noite desta quinta-feira “um elevado compromisso político” contra o aquecimento global, num documento divulgado na cidade marroquina de Marraquexe onde nesta sexta-feira termina 22.ª Conferência do Clima da ONU (COP22).

"Nós, chefes de Estado, Governo e delegações reunidos em Marraquexe apelamos para um elevado compromisso político e urgente prioridade político para a luta pelas alterações climáticas e desenvolvimento sustentável", diz o comunicado.

A reportagem é de Luciano Alvarez, publicada por Público, 17-11-2016.

O documento faz também um “apelo urgente” para “aumentar a ambição e reforçar a cooperação”, de forma “a contrariar as trajetórias de subida das emissões de gases com efeito estufa” e “alcançar as metas definidas pelo acordo de Paris”, de dezembro de 2015.

Um dos principais compromissos que os países assumiram em Paris visa limitar a subida da temperatura "bem abaixo dos 2 graus Celsius" relativos à era pré-industrial e a "continuar os esforços para limitar o aumento da temperatura a 1,5 graus Celsius".

O texto também prevê o aumento do financiamento para apoiar medidas contra o aquecimento global. "Mantemos e reafirmamos o objetivo de mobilizar 100 milhões de dólares por ano para os países em desenvolvimento até 2020.” Porém, o Programa Ambiental da ONU avaliou na semana passada as necessidades de adaptação e concluiu que são necessários entre 140 e 300 milhões de dólares por ano até 2030.

Também nesta quinta-feira os países em desenvolvimento queixaram-se de não estar a ser ouvidos e de não verem vontade de financiamento para as suas necessidades de adaptação ao combate às alterações climáticas.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Países pedem “elevado compromisso” contra aquecimento global - Instituto Humanitas Unisinos - IHU