Igreja Universal do Reino de Deus é condenada a pagar indenização a pastor vasectomizado

Revista ihu on-line

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Mais Lidos

  • A arte da leitura. Artigo de Enzo Bianchi

    LER MAIS
  • Maria Madalena era realmente de Magdala? Duas pesquisadoras investigam isso

    LER MAIS
  • Estudo mostra que SARS-CoV-2 pode ficar no organismo por tempo superior ao recomendado para quarentena

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


16 Setembro 2020

O juiz Marcos Vinícius Barroso, da 12ª Vara do Trabalho de Belo Horizonte, condenou a Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) a pagar 50 mil reais por danos morais ao pastor que denunciou ter sido obrigado pela instituição, há 17 anos, a realizar vasectomia e a transportar valores do dízimo em seu carro particular.

A reportagem é de Edelberto Behs, jornalista.

O pastor indenizado informou que ele e outros 30 colegas passaram pelo procedimento. Todos os ministros solteiros da Universal são obrigados a fazer vasectomia antes de se casarem, reza a denúncia.

A IURD recorreu alegando, segundo matéria do G1 Minas Gerais, que o direito de reivindicar a indenização estava prescrito. A Primeira Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região em Belo Horizonte entendeu que o dano sofrido pelo “autor ao realizar a vasectomia é um dano de personalidade, sendo imprescritível como a doutrina e a jurisprudência nos ensinam”.

Em nota, a IURD afirmou que vai recorrer da condenação, pois alegou que é “facilmente desmentida pelo fato de muitos bispos de pastores da Universal, em todos os níveis da hierarquia da Igreja, têm filhos. São mais de 3 mil filhos naturais de membros do corpo eclesiástico da Igreja”. Quanto ao dízimo, a instituição alegou que “por motivos de segurança” ela não comenta “questões relativas a transporte de valores”.

Também pastores ligadas à Universal em Angola, agora dissidentes, denunciaram a obrigatoriedade da vasectomia para ingressar no quadro de pregadores da instituição.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Igreja Universal do Reino de Deus é condenada a pagar indenização a pastor vasectomizado - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV