Mais de 4 bilhões de pessoas no mundo não têm acesso à internet

Mais Lidos

  • “O mundo da educação foi sobrecarregado e perturbado pelo surgimento do ChatGPT”. Discurso do cardeal José Tolentino de Mendonça

    LER MAIS
  • O “Filioque” e a história. Artigo de Flávio Lazzarin

    LER MAIS
  • Até quando? Editorial do L’Osservatore Romano

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Revista ihu on-line

Zooliteratura. A virada animal e vegetal contra o antropocentrismo

Edição: 552

Leia mais

Modernismos. A fratura entre a modernidade artística e social no Brasil

Edição: 551

Leia mais

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Por: Jonas | 27 Mai 2015

Mais de 3 bilhões de pessoas no mundo usam atualmente a internet, no entanto, outras 4 bilhões que residem nos países mais pobres do planeta seguem sem estar conectados "on line", segundo os dados apresentados nesta terça-feira (26/05) pela União Internacional das Telecomunicações (UIT).

A reportagem é publicada por Opera Mundi, 26-05-2015.

Estes 4 bilhões de pessoas representam dois terços da população que vive nos países em desenvolvimento e não têm perspectivas a curto prazo para poder ter acesso às novas tecnologias da informação (TIC).

De fato, das 940 milhões de pessoas que vivem nos Países Menos Desenvolvidos (LDC, por sua sigla em inglês) só 89 milhões usam internet, o que indica uma penetração de apenas 9,5%.

No entanto, os desafios para que todo mundo tenha acesso às TIC, as estatísticas mostram que nos últimos 15 anos foram feitos progressos muito consideráveis.

Desde o ano 2000 até 2015, a penetração de internet se multiplicou por sete, dado que passou de 6,5% da população mundial a 43%. Além disso, a proporção de lares que têm acesso à internet passou de 18% em 2005 a 46% em 2015.

Atualmente há mais de 7 bilhões de linhas de celulares no mundo, quando no ano 2000 eram apenas 738 milhões.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Mais de 4 bilhões de pessoas no mundo não têm acesso à internet - Instituto Humanitas Unisinos - IHU