O Papa visita os carpinteiros do Vaticano

Revista ihu on-line

Zooliteratura. A virada animal e vegetal contra o antropocentrismo

Edição: 552

Leia mais

Modernismos. A fratura entre a modernidade artística e social no Brasil

Edição: 551

Leia mais

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Mais Lidos

  • A dificuldade de Maria Homem comer Caetano. Artigo de Faustino Teixeira

    LER MAIS
  • Uma ladainha sem fim e uma pequena história exemplar. Artigo de José Luís Fiori

    LER MAIS
  • Escândalo de Rupnik é nova peça do mosaico do Vaticano sobre casos de abuso

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Por: André | 11 Agosto 2013

O Papa Francisco visitou, na manhã desta sexta-feira, a Carpintaria da Cidade do Vaticano e saudou cada um dos seus trabalhadores.

 
Fonte: http://bit.ly/19RZ4Ve  

A reportagem está publicada no sítio Vatican Insider, 09-08-2013. A tradução é de André Langer.

A oficina, subordinada ao Governadorado, encontra-se na zona industrial da Cidade do Vaticano, ao lado da Central Térmica, a qual Francisco também visitou nesta manhã. Na praça, do outro lado, está a sede do L’Osservatore Romano, razão pela qual os jornalistas e fotógrafos puderam documentar este extraordinário pequeno encontro (primeiro pelo Twitter e depois pelo jornal do Vaticano).

Francisco chegou de repente, sem que ninguém soubesse de nada. Nós o encontramos assim, imagine a nossa surpresa”, disse à agência italiana AGI um dos carpinteiros. “O Papa – referiu – quis visitar todas as seções, lugares em que nunca imaginaríamos receber o Pontífice”.

“Estávamos conversando entre colegas, aqui na seção em que trabalhamos 24 horas por dia, e sem mais vimos chegar este carro, um C1. Ao vê-lo dissemos: ‘Como é possível? Se parece com o Papa’”. E era ele mesmo. Desceram do carro o Santo Padre e Mariotti. Quem contou isso à Rádio Vaticano foi Alessandro De Gregori, um dos operários da central elétrica vaticana, à qual se dirigiu o Papa em outra visita surpresa.

“Em quase 10 anos de trabalho – explicou De Gregori – isso nunca aconteceu [de um Papa visitar as dependências da central elétrica]. Foi uma emoção voltar a vê-lo, porque, como quase todos os empregados, o havíamos visto em uma das Missas matutinas. Foi, realmente, uma feliz surpresa”. “Foi ele quem veio para nos ver e não o contrário”. E continuou: “O Papa se entreteve conosco cerca de cinco minutos; claro, as seções a serem visitadas eram muitas. Nos perguntou o que fazíamos e do que nos ocupávamos”.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

O Papa visita os carpinteiros do Vaticano - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV