RN terá 1º curso de Pedagogia do país com base na metodologia freireana

Mais Lidos

  • “O mundo da educação foi sobrecarregado e perturbado pelo surgimento do ChatGPT”. Discurso do cardeal José Tolentino de Mendonça

    LER MAIS
  • O “Filioque” e a história. Artigo de Flávio Lazzarin

    LER MAIS
  • Genocídio Yanomami em debate no IHU. Quanta vontade política existe para pôr fim à agonia do povo Yanomami? Artigo de Gabriel Vilardi

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Revista ihu on-line

Zooliteratura. A virada animal e vegetal contra o antropocentrismo

Edição: 552

Leia mais

Modernismos. A fratura entre a modernidade artística e social no Brasil

Edição: 551

Leia mais

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Por: Cesar Sanson | 02 Abril 2013

A Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa), localizada em Angicos, município a cerca de 170 quilômetros de Natal, terá o primeiro curso de Licenciatura em Pedagogia do país com base na pedagogia freireana. O curso de formação, em fase de elaboração do projeto por comissão constituída, é mais uma conquista da universidade a partir da aprovação do projeto do Memorial Paulo Freire: Museu e Centro de Formação.

A reportagem é de Fernanda Zauli e publicada pelo portal G1, 02-04-2013.

De acordo com a coordenadora do projeto do Memorial, professora Dr.ª Rita Diana de Freitas Gurgel, o conjunto arquitetônico começará a ser erguido no campus da UFERSA de Angicos em 2013, inicialmente com apoio financeiro do Ministério da Educação (MEC).

A assinatura da ordem de serviço de construção do memorial foi assinada nesta terça-feira (2). A constituição desse memorial significará um marco histórico para a cidade de Angicos onde Paulo Freire realizou a experiência de alfabetização de adultos, conhecida pelas 40 Horas de Angicos, na qual foram alfabetizados cerca de 300 angicanos, em 1963. Para a coordenadora do projeto, preservar a memória viva da exitosa experiência de Paulo Freire faz parte da responsabilidade social e se enquadra nas ações do tripé universitário, ou seja, da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão.

Rita Diana explica que o curso de licenciatura em Pedagogia, terá o objetivo fundamental de formar profissionais com competências e aptidões compostas por uma pluralidade de conhecimentos teóricos e práticos que possibilitem a atuação crítica, reflexiva, contextualizada e inovadora, na educação básica, com ênfase na pedagogia freireana.

Além de um curso de formação, o Memorial Paulo Freire será um espaço de registro e difusão dos bens da cultura material e imaterial produzidos por Paulo Freire e do povo que abriga a região semiárida, através da oferta de exposições permanentes (fotográfica e digital), de exposições temáticas periódicas, apresentações culturais; de realização de oficinas, palestras, congressos, colóquios, seminários e cursos, em estreita relação com as políticas públicas de melhoria da educação básica e de incentivo à cultura.

O memorial será ainda local de registro e de resgate sistemático da memória histórica e cultural da Educação de Jovens e Adultos e da Educação Popular na região do semiárido norte-rio-grandense e espaço de concepção e de execução de práticas inovadoras e interdisciplinares à proposta pedagógica de Freire, na modalidade de Educação de Jovens e Adultos.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

RN terá 1º curso de Pedagogia do país com base na metodologia freireana - Instituto Humanitas Unisinos - IHU