Novo cardeal brasileiro pede uma atitude mais 'fraternal' à Europa

Mais Lidos

  • Católicos cínicos e a negatividade em relação ao Papa Francisco. Artigo de Massimo Faggioli

    LER MAIS
  • Influenciadores ou evangelizadores digitais católicos? Artigo de Dom Joaquim Mol

    LER MAIS
  • Campanha da Fraternidade 2024: Fraternidade e Amizade Social. Artigo de José Geraldo de Sousa Junior e Ana Paula Daltoé Inglêz Barbalho

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Revista ihu on-line

Zooliteratura. A virada animal e vegetal contra o antropocentrismo

Edição: 552

Leia mais

Modernismos. A fratura entre a modernidade artística e social no Brasil

Edição: 551

Leia mais

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

20 Fevereiro 2012

O brasileiro João Braz de Aviz, único latino-americano entre os 22 novos cardeais eleitos pelo papa Bento XVI no sábado, diz esperar que o Colégio Cardinalício seja mais universal. Ele pediu à Europa que volte seu olhar para a América Latina.

"A Europa deve descer das alturas, ter uma atitude fraternal com os outros continentes e deixar de olhar os demais do alto", afirmou. "Isso de um ponto de vista político e econômico, mas também dentro da igreja", disse Aviz.

A informação é do jornal Folha de S. Paulo, 20-02-2012.

Para ele, "não se pode deixar de levar em conta que América Latina, Ásia e África mudaram, e seguir pensando que são colônias do terceiro mundo". Aviz é prefeito da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e Sociedades de Vida Apostólica, sendo responsável por 800 mil religiosos.

 

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Novo cardeal brasileiro pede uma atitude mais 'fraternal' à Europa - Instituto Humanitas Unisinos - IHU