Martini: face a face com quem não crê

Mais Lidos

  • Genocídio Yanomami em debate no IHU. Quanta vontade política existe para pôr fim à agonia do povo Yanomami? Artigo de Gabriel Vilardi

    LER MAIS
  • A campanha da Fraternidade 2024. Fraternidade e Amizade Social. Artigo de Flávio Lazzarin

    LER MAIS
  • A primeira pergunta de Deus ao homem foi “Onde você está?”. O Artigo é de Enzo Bianchi

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Revista ihu on-line

Zooliteratura. A virada animal e vegetal contra o antropocentrismo

Edição: 552

Leia mais

Modernismos. A fratura entre a modernidade artística e social no Brasil

Edição: 551

Leia mais

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

24 Janeiro 2012

Neste último ano, o cardeal Carlo Maria Martini trabalhou dia após dia na escrita de um pequeno livro. Ele tem por título Il vescovo [O bispo]. Estará nas livrarias na sexta-feira 27 janeiro (Rosenberg & Sellier, 92 páginas).

A reportagem é do jornal Corriere della Sera, 22-01-2012. A tradução é de Moisés Sbardelotto.

Faz parte de um projeto dessa editora de Turim que poderia ser resumido assim: "curar as palavras" doentes do nosso tempo para voltar ao seu significado mais pleno. E "bispo" é uma delas.

Martini repercorre, também com notas autobiográficas, o longo caminho que leva um religioso ao significativo encargo. Ele não excluiu dessas páginas nem a etimologia da palavra, nem a análise da jornada do bispo, nem os vícios que podem perturbar a sua missão, nem o fato de que, para além das relações com os fiéis, ele é chamado a enfrentar as relações com as más línguas ou com o mundo midiático. Ele também analisa a relação com outras fés ou com os não crentes, relação essa já indispensável.

A conclusão é aberta ao presente e responde à pergunta: "Que perfil um bispo deveria ter hoje?". Além da intervenção de Franco Giulio Brambilla (bispo recém-eleito de Novara), apresentamos uma prévia de um trecho do livro de Martini. São as páginas que se referem aos contatos com os não crentes e um parágrafo das páginas dedicadas aos pobres.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Martini: face a face com quem não crê - Instituto Humanitas Unisinos - IHU