"Monsenhor Romero? Espero que logo seja beatificado", afirma cardeal francês

Mais Lidos

  • No episódio dessa semana, as contradições de um Brasil dual, o Papa se manifesta sobre o caso Rupnik e a homossexualidade, o Dia de Memória do Holocausto e mais

    Informe IHU: 27/01/2023

    LER MAIS
  • A guerra entre os cardeais católicos

    LER MAIS
  • O Papa substitui Ouellet e nomeia um bispo peruano para a Congregação dos Bispos

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Revista ihu on-line

Zooliteratura. A virada animal e vegetal contra o antropocentrismo

Edição: 552

Leia mais

Modernismos. A fratura entre a modernidade artística e social no Brasil

Edição: 551

Leia mais

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

26 Outubro 2011

É o que espera o cardeal Roger Etchegaray em relação ao arcebispo de San Salvador, assassinado em 1980.

A reportagem está publicada no sítio Vatican Insider, 24-10-2011. A tradução é do Cepat.

"Espero verdadeiramente que Romero seja logo um beato da Igreja". Este é o desejo que o cardeal Roger Etchegaray, vice decano do Colégio Cardinalício, expressou durante a apresentação de um livro na igreja romana de San Bartolomeo all’Isola, igreja dos mártires.

O cardeal recordou que "aqui está a memória de Romero [...] Eu o conheci muito bem. Era arcebispo de Marselha quando ele retornava de Roma ao seu país, e era sua última e mais difícil viagem. Depois, claro, fui ao lugar em que foi assassinado para celebrar missa. Espero verdadeiramente que Romero seja logo um beato da Igreja".

Monsenhor Óscar Arnulfo Romero, arcebispo de San Salvador, foi assassinado por um franco-atirador no dia 24 de março de 1980 enquanto celebrava a missa no hospital, em decorrência de seu esforço de denunciar a violência e a ditadura de seu país. A causa para a sua beatificação começou em 1997.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

"Monsenhor Romero? Espero que logo seja beatificado", afirma cardeal francês - Instituto Humanitas Unisinos - IHU