Fotos do dia. Mulheres curdas em ação

Mais Lidos

  • As responsabilidades das Forças Armadas no golpe. Artigo de Jean Marc von der Weid

    LER MAIS
  • “Gostaria de mais casos de anulação de casamento. Ajuda a curar o sofrimento da separação”, afirma cardeal Zuppi

    LER MAIS
  • Terra Yanomami tem 363 mortes registradas no 1º ano do governo Lula

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Revista ihu on-line

Zooliteratura. A virada animal e vegetal contra o antropocentrismo

Edição: 552

Leia mais

Modernismos. A fratura entre a modernidade artística e social no Brasil

Edição: 551

Leia mais

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

13 Outubro 2014

Armadas, elas combatem, preparam a comida para quem combate, protegem as criançcas, levam-nas para fora da guerra. São mulheres de várias idades e são o exército das mulheres dos peshmerga curdos, prontas para morrer antes que cair nas mãos dos jihadistas do Exército Islâmico. À Unidade de Defesa do Povo - YPG - pertencia também a moça kamikaze, Arin Mirkan, que se fez explodir junto a uma base do Exército Islâmico. E Ceylan Ozalp, de 19 anos, que no dia 3 de outubro se matou com a última bala para não ser capturada. São as mulheres em guerra.

Fonte: La Repubblica

Arin Mirkan

Fonte: La Repubblica

 

Ceylan Ozalp

Fonte: La Repubblica

Fonte: La Repubblica

Fonte: La Repubblica

 

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Fotos do dia. Mulheres curdas em ação - Instituto Humanitas Unisinos - IHU