Pesquisa: apoio a Trump cai entre católicos brancos em meio a pandemia e protestos

Revista ihu on-line

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Mais Lidos

  • Os povos e a guerra entre potências. Artigo de Raúl Zibechi

    LER MAIS
  • Francisco aceita convite da Universidade Loyola de Chicago e da CAL para ouvir jovens migrantes

    LER MAIS
  • Igreja no Peru pede a Repsol que repare “completamente” o vazamento de petróleo

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


08 Junho 2020

Segundo uma nova pesquisa, enquanto 41% dos americanos têm uma visão favorável do presidente Donald Trump, o seu apoio entre os católicos brancos, grupo demográfico em que ele venceu em 2016 e um dos que a sua campanha de reeleição mais vem cortejando nos estados ultimamente, parece estar em queda.

A reportagem é de Michael J. O’Loughlin, publicada por America Magazine, 04-06-2020. A tradução é de Isaque Gomes Correa.  

Cerca de 37% dos católicos brancos mantêm neste momento opiniões favoráveis de Trump, segundo um estudo publicado, em 4 de junho, pelo Instituto de Pesquisa Pública em Religião – PRRI (na sigla em inglês), número abaixo dos 49% de católicos brancos que expressavam essa opinião em uma média dos estudos feitos pelo mesmo instituto em 2019. O relatório sugere que a aprovação do presidente entre os católicos brancos está “em uma forte tendência de queda”, chegando a 60% em março e, então, caindo para 48% em abril.

A pesquisa do PRRI mostra que o apoio a Trump caiu mais acentuadamente entre os católicos brancos em maio (Fonte: PRRI Surveys 2019-2020)

Como a pesquisa foi realizada nos últimos dias de maio, ela não reflete as opiniões que os americanos possam ter a parir da visita de Trump à igreja de São João, em 1º de junho, ou à visita que fez ao Santuário de São João Paulo II, em 2 de junho, ambas em Washington, DC. Os resultados baseiam-se em 1.003 consultas feitas por telefone com adultos americanos, realizadas entre os dias 26 e 31 de maio. A pesquisa tem uma margem de erro de 3,5 pontos percentuais.

Um outro relatório divulgado esta semana pelo Centro de Pesquisas Pew constatou que a composição religiosa do Partido Democrata mudou significativamente desde 2008. Hoje, a porcentagem de democratas que se identificam como cristãos é de 52%, abaixo dos 73% de 2008. Nesse mesmo período, a parcela de democratas que se identificam como sem filiação religiosa aumentou, chegando a 38%, abaixo dos 18% de 2008. A parcela de membros do Partido Republicano que se identificam como cristãos caiu um pouco, com 79% se identificando como cristãos, hoje, em comparação com 87% em 2008.

Quanto aos católicos, a parcela do eleitorado total que se identifica como católicos brancos caiu de 17%, em 2008, para 12%. Entre os eleitores democratas ou que tendem a se identificar como democratas, a porcentagem de eleitores que se identificam como brancos e católicos caiu de 16%, em 2008, para 9%, em 2019. Entre os republicanos e os que tendem a votar em candidatos republicanos, a parcela de católicos brancos caiu de 22% para 16% no mesmo período.

No cômputo geral, a parcela dos adultos americanos que se identificam como cristãos caiu nos últimos anos, com 65% deles dizendo que são cristãos em 2018-2019, em comparação com 77% de uma década atrás. Ao mesmo tempo, o número de americanos sem filiação religiosa aumentou de 17% para 26%.

O apoio a Trump entre os eleitores católicos foi desigual em 2016. Segundo uma análise, Trump recebeu 56% dos votos entre os católicos brancos, enquanto Hillary Clinton recebeu 74% dos votos entre os católicos hispânicos.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Pesquisa: apoio a Trump cai entre católicos brancos em meio a pandemia e protestos - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV