PIB da China avança 6,7% em 2016, menor crescimento em 26 anos

Mais Lidos

  • “A humanidade abriu as portas do inferno”, alerta António Guterres, secretário-geral da ONU

    LER MAIS
  • Brasil precisa de sistema de alerta antecipado contra desastres ambientais. Entrevista com Francisco Eliseu Aquino

    LER MAIS
  • “Precisamos de uma ministra negra para o STF começar a dar respostas ao racismo estrutural no país”. Entrevista com Ingrid Farias

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Revista ihu on-line

Zooliteratura. A virada animal e vegetal contra o antropocentrismo

Edição: 552

Leia mais

Modernismos. A fratura entre a modernidade artística e social no Brasil

Edição: 551

Leia mais

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

20 Janeiro 2017

A China, segunda maior economia do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos, cresceu 6,7% em 2016, no menor ritmo desde 1990. Em 2015, o país havia se expandido em 6,9%.

Apesar do recorde negativo, o índice ficou dentro da meta do governo, que previa um intervalo entre 6,5% e 7%.

A informação é publicada por Folha de S. Paulo, 20-01-2017.

O país, no entanto, apresentou o primeiro crescimento trimestral em dois anos, sob impulso dos gastos do governo e do aumento do crédito.

No quarto trimestre, o PIB avançou 6,8% em relação ao mesmo período de 2015. No terceiro trimestre, o crescimento havia sido de 6,7%.

O resultado foi divulgado no mesmo dia em que Donald Trump toma posse nos EUA, sob os olhos atentos de Pequim, preocupada com o discurso protecionista do republicano, que ameaça impor tarifas elevadas de importação aos produtos chineses.

Nesta semana, em Davos, no Fórum Econômico Mundial, o líder chinês, Xi Jinping, fez um discurso em favor da globalização e criticou pontos de política internacional defendidos por seu futuro colega norte-americano.

Brasil

O Brasil acompanha com atenção o desempenho da economia chinesa. O país é o maior comprador no exterior dos produtos brasileiros –no ano passado, foram US$ 35 bilhões, ou 19% do total das exportações.

Fiz legendas para os gráficos, caso queiram manter

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

PIB da China avança 6,7% em 2016, menor crescimento em 26 anos - Instituto Humanitas Unisinos - IHU