Ó Raiz de Jessé! Libertai-nos sem demora!

Revista ihu on-line

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Mais Lidos

  • A arte da leitura. Artigo de Enzo Bianchi

    LER MAIS
  • Maria Madalena era realmente de Magdala? Duas pesquisadoras investigam isso

    LER MAIS
  • Os verbos transitivos. Artigo de Gianfranco Ravasi

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


19 Dezembro 2020

 

Com a invocação "Raiz de Jessé" estamos na terceira entre as sete Antífonas do Ó. A maior parte desta antífona retoma Isaías 11.10: "Naquele tempo, o rebento de Jessé, posto como estandarte para os povos, será procurado pelas nações e gloriosa será a sua morada." Na Carta aos Romanos 15.12 Paulo retoma este versículo indicando que ele vê a promessa de Isaías cumprida em Jesus Cristo: "Isaías também diz: Da raiz de Jessé surgirá um rebento que governará as nações; nele esperarão as nações".

 

A antífona contem também a profecia de Isaías 52,15, que se refere ao Servo sofredor. Após a paixão que o tornara irreconhecível o Servo será exaltado, admirado. Assim a antífona proclama “ante vós se calarão os reis da terra”, de forma que  o mistério pascal da ressurreição de Cristo está claramente implícito.

 

A súplica “libertai-nos sem demora” faz referência a uma profecia de Habacuc 2, 1-3, em que o profeta espera como sentinela por uma manifestação do senhor: "se tardar, espera-a, porque ela se realizará com toda a certeza e não falhará." (Hab 2,3b). Esta profecia é retomada em seu significado messiânico no Novo Testamento em Hebreus 10,37 - "Ainda um pouco de tempo – sem dúvida, bem pouco –, e o que há de vir virá e não tardará." e na 2 Carta de Pedro 3,9: "O Senhor não retarda o cumprimento de sua promessa, como alguns pensam, mas usa da paciência para conosco. Não quer que alguém pereça; ao contrário, quer que todos se arrependam." 

 

Die 19 Decembris

 

O Radix Jesse
qui stas in signum populorum,
super quem continebunt reges os suum,
quem gentes deprecabuntur:
Veni ad liberandum nos; jam noli tardare

 

 

19 de dezembro

Ó Raiz de Jessé, ó estandarte(Isaías 11:1)
levantado em sinal para as nações,
ante vós se calarão os reis da terra
e as nações invocarão misericórdia:
Vinde salvar-nos! Libertai-nos sem demora!

 

 

Ofício Divino das Comunidades
(Versão brasileira, inculturada, da Liturgia das Horas)

 

Dia 19 de dezembro

 

Ó...
Ó de Jessé raiz:
Estandarte bem alto levantado,
Um sinal para todas as nações,
Frente a ti ficam mudos os barões,
Clama o povo e só quer ser escutado,
Vem, Senhor, libertar o escravizado,
Não demores, escuta as rogações, ó,ó.

Vem, ó Filho de Maria,
Vem dos tristes alegria,
Quanta sede, quanta espera,
Quando chega, quando chega aquele dia?... (bis)

 

 

Referência bibliográfica
Cf. GILBERT, Marcel. Le antifone maggiori dell´avvento. In: Civiltà Cattolica, 2008, IV, pp. 319-332.

 

Leia mais

 

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Ó Raiz de Jessé! Libertai-nos sem demora! - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV