Compartilhar Compartilhar
Aumentar / diminuir a letra Diminuir / Aumentar a letra

Sadia demitiu 300 em Toledo, no PR, diz sindicato

O Sindicato dos Trabalhadores da Indústria de Alimentos de Toledo (PR) disse que a Sadia demitiu no início deste mês mais de 300 funcionários da unidade local.

A notícia é de Luiz Carlos da Cruz e publicada pelo jornal Folha de S. Paulo, 17-05-2009.

A Sadia afirmou que, em razão "da necessidade de adequar seu nível de produção ao cenário econômico mundial, decidiu desativar o terceiro turno de aves em sua unidade de Toledo". Mas não confirmou o número de demitidos, "uma vez que há um trabalho no sentido de realocar funcionários".

Disse ainda que, para minimizar o impacto da iniciativa, transferiu os demais trabalhadores para os outros dois turnos. "A Sadia também ofereceu a essas pessoas oportunidades em outras unidades da companhia que possuem vagas em aberto."

O sindicato contestou. Disse que só em um dia da semana passada homologou 40 demissões de trabalhadores despedidos. Segundo ele, isso representa 40% da média mensal das rescisões trabalhistas desde o início do agravamento da crise.

A Sadia emprega quase 9.000 funcionários na unidade de Toledo, perto de 8% da população local.

Comentários encerrados.

Cadastre-se

Quero receber:


Refresh Captcha Repita o código acima:
 

Novos Comentários

"Muito bom o artigo, gostaria de me aprofundar no tema. Pode me informar o email do Danilo ou do Dár..." Em resposta a: A Vale no Maranhão: ''O lucro é privado, mas o prejuízo é público''. Entrevista especial com Danilo D'Addio Chammas e Dário Bossi
"Muito boa a iniciativa, tem algum estudo para produzir este produto em escala comercial.?" Em resposta a: Forno a lenha aquece água do chuveiro
"QQ coisa vira notícia num País onde o militarismo é elitizado p manter um povo fraco e assim mais..." Em resposta a: Paramilitares americanos treinam policiais brasileiros para a Copa

Conecte-se com o IHU no Facebook

Siga-nos no Twitter

Escreva para o IHU

Adicione o IHU ao seus Favoritos e volte mais vezes