MPF estuda solução para o drama dos ribeirinhos atingidos por Belo Monte

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • As duras palavras de Francisco à Igreja: as murmurações abafam a profecia

    LER MAIS
  • Uma espiritualidade do viver

    LER MAIS
  • Crise alimentar mundial: “Estamos à beira de uma pandemia de fome”

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


02 Agosto 2016

O órgão quer garantir a permanência segura dos ribeirinhos no rio Xingu.

A reportagem foi publicada por Agência Brasil - EBC e reproduzida por Amazônia.org, 29-07-2016. 

O Ministério Público Federal realiza no dia 11 de agosto , em São Paulo, uma reunião para discutir o drama das famílias de ribeirinhos do rio Xingu afetados pela usina hidrelétrica de Belo Monte. O órgão investiga e acompanha a situação de dezenas de famílias ribeirinhas.

Em entrevista ao programa Nossa Terra desta quarta-feira (27), a procuradora da República no Pará, Thais Santi, defende que se não houver interferência imediata no processo, o país vai assistir a “uma diáspora irreversível dos ribeirinhos do Xingu” e “Belo Monte ficará marcada pela eliminação definitiva de um modo de vida tradicional”.

Confira a entrevista no player.

 

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

MPF estuda solução para o drama dos ribeirinhos atingidos por Belo Monte - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV