'Fora Beto Richa', gritam torcedores do Paraná em apoio aos professores

Revista ihu on-line

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Clarice Lispector. Uma literatura encravada na mística

Edição: 547

Leia mais

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Mais Lidos

  • Francisco assume os movimentos. O papa jesuíta e um difícil discernimento de espíritos. Artigo de Massimo Faggioli

    LER MAIS
  • Estratégia de comunicação da direita alternativa se alimenta do hiato geracional

    LER MAIS
  • O Sínodo “vai exigir que a gente repense as estruturas da Igreja”. Entrevista com Agenor Brighenti

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Por: Cesar Sanson | 04 Mai 2015

Torcida no Estádio Couto Pereira, palco da histórica vitória do Operário, adere à causa dos professores, que na quarta-feira (29) foram vítimas da ação truculenta do governo.

A reportagem é da agência Rede Brasil Atual, 03-05-2015.

O estádio Couto Pereira, palco da histórica vitória do Operário ante o Coritiba por 3 a 0 neste domingo (3) pelo campeonato paranaense, viu a torcida manifestar apoio aos professores em greve, vítimas na quarta-feira (29) da truculência policial do governo Beto Richa, que deixou 200 feridos.

“Fora Beto Richa”, gritaram os torcedores no Couto Pereira, conforme vídeo postado no You Tube

Na Arena da Baixada, a torcida do Atlético também se manifestou contra o governador, de forma mais agressiva, apelando para os palavrões

Por sua vez, o jornal O Globo, 03-05-2015, informa que no sábado, na Arena da Baixada, a torcida do Atlético Paranaense também se manifestou de forma contrária a Richa e em apoio aos professores. Na quinta-feira, na comemoração do título do Londrina, que conquistou o Campeonato do Interior do Paraná, o meia Rafael Bastos, reserva do time, pegou um cartaz na torcida e o ergueu em campo. Nele, liam-se as frases “Beto Richa tirano! Que vergonha bater em trabalhador. #ForçaProfessores!”.

As vaias de hoje — capazes de unir as duas torcidas — aconteceram quando as equipes do Operário e do Coritiba já estavam alinhadas para ouvir a execução do Hino Nacional. Pouco antes, na arquibancada, uma faixa que dizia “Todo apoio aos professores” foi estendida, mas precisou ser recolhida em seguida, já que o regulamento da competição proíbe a exibição de faixas com teor político.

Os policiais militares que faziam a segurança da final do campeonato também foram verbalmente hostilizados pela torcida. Vídeos com gravações desses momentos foram postados na internet e geraram repercussão nas redes sociais. Havia no Couto Pereira cerca de 25 mil pessoas.

No sábado, o público que foi assistir ao show do rapper Criolo, no Teatro Guaíra, em Curitiba, também pediram fora, Beto Richa durante o espetáculo.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

'Fora Beto Richa', gritam torcedores do Paraná em apoio aos professores - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV