Al-Azhar no Vaticano. Acordo contra o tráfico de pessoas

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • “O risco que eu estou correndo é cada vez maior, e a responsabilidade vocês sabem de quem é”, denuncia padre Júlio Lancellotti

    LER MAIS
  • A nova encíclica de Francisco nascida do diálogo com o Islã e do Covid. Artigo de Alberto Melloni

    LER MAIS
  • Padre Julio Lancellotti recebe novas ameaças após ataques virtuais de deputado

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Por: Jonas | 17 Março 2014

Um representante do grande Imã de Al-Azhar (foto), a máxima instituição de pesquisa religiosa do Islã sunita, estará nos próximos dias no Vaticano, onde se firmará um acordo entre os expoentes das grandes religiões do mundo para acabar com as modernas formas de escravidão e o tráfico de pessoas.

 
Fonte: http://goo.gl/YHUADz  

A reportagem é publicada por Vatican Insider, 13-03-2014. A tradução é do Cepat.

O acordo, sob o título “Global Freedom Network”, criado em colaboração com a Walk Free Foundation, será apresentado na próxima segunda-feira, 17 de março, às 11h30min, na Sala de Imprensa da Santa Sé, por dom Marcelo Sanchez Sorondo, chanceler das Pontifícias Academias das Ciências e das Ciências Sociais (que, sob mandato do Papa Francisco, ocupam-se do tráfico de pessoas em nível global), Mahmoud Azab, representando o grande Imã de Al-Azhar, o padre anglicano David John Moxon, que representará o arcebispo de Canterbury (dom Justin Welby) e o fundador da Walk Free Foundation, Andrew Forrest.

A presença no Vaticano de um representante do grande Imã de Al-Azhar marca um passo para a reabertura das relações entre a Universidade do Cairo e as instituições da Santa Sé, depois que haviam sido congeladas, em fevereiro de 2011, após algumas declarações de Bento XVI em relação aos atentados contra os coptas cristãos, em Alexandria. O Vaticano não deixou de insistir em que as portas para se restabelecer o diálogo deveriam permanecer sempre abertas. No último dia 3 de dezembro, no Cairo, o Secretário do Pontifício Conselho para o Diálogo Inter-religioso, dom Miguel Angel Ayuso, reuniu-se com o “número dois” da Universidade de Al-Azhar, a quem entregou uma mensagem do responsável pelo dicastério vaticano, o cardeal Jean-Louis Tauran.

Veja também:

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Al-Azhar no Vaticano. Acordo contra o tráfico de pessoas - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV