“Compartilhamos muitos sonhos com o Papa”, afirma rabino Skorka

Revista ihu on-line

Etty Hillesum - O colorido do amor no cinza da Shoá

Edição: 531

Leia mais

Missões jesuíticas. Mundos que se revelam e se transformam

Edição: 530

Leia mais

Nietzsche. Da moral de rebanho à reconstrução genealógica do pensar

Edição: 529

Leia mais

Mais Lidos

  • Concílio, 60 anos depois do anúncio de João XXIII: uma decisão inspirada para atualizar a Igreja

    LER MAIS
  • Chile. Jesuítas investigam uma denúncia de abusos contra Renato Poblete

    LER MAIS
  • Republicanismo, a doença infantil do neopetismo

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

Por: Jonas | 17 Janeiro 2014

Papa Francisco, ao redor de uma mesa na Casa Santa Marta, reunido com rabinos argentinos. (Foto: Imedia)

“Quem planta uma árvore sabe que dará frutos após muitos e muitos anos. São frutos que talvez não iremos comer, entretanto, nós temos a obrigação de plantar a árvore”, comenta o rabino de Buenos Aires, Abraham Skorka (na foto, à direita do Papa) a partir do Salmo 1, durante a oração vespertina da Comunidade de Santo Egídio, em Santa Maria. Seu comentário é publicado por Vatican Insider, 15-01-2014. A tradução é do Cepat.

 
Fonte: http://goo.gl/lBtv3Q  

Eis o comentário.

Seguindo a forma pela qual o papa Francisco começou a falar aos romanos quando foi nomeado papa, digo-lhes: boa tarde.

Escolhi este salmo para compartilhar um momento de reflexão com vocês, queridos irmãos. Inspirado pela relação de amizade e de afeto que cultivamos durante muitos anos, quando o papa Francisco era arcebispo da cidade. Quando nos encontrávamos, olhávamos nos olhos e sempre nos dizíamos: “Então, qual é o próximo projeto?”. Assim nasceu um livro de diálogos, e assim também gravamos 31 programas para a televisão. Muitas vezes nos perguntávamos: “Podemos mudar a sociedade argentina, com tudo isso?”. E muitos me perguntam: “Você acredita que o Papa mudará o mundo?”. Minha resposta se baseia na imagem da fé oferecida pelo Salmo 1.

Qual é o verdadeiro prêmio que o homem justo recebe? Qual é a coisa mais sublime para a qual podemos dirigir nossas vidas? Deixar uma pegada. Não podemos fazer com que todos nossos sonhos e ideais se tornem realidade; somos falíveis, erramos. O que podemos buscar é deixar uma pegada, um sinal.

Para realizar, para chegar a concretizar coisas materiais, é preciso verificar diferentes condições. Contudo, para trabalhar bem e para fazer o que é justo, bom, misericordioso, esta é uma decisão própria, de cada um. Para além dos casos que nos toca viver, mas através da bondade, da retidão, do amor, nós deixamos uma pegada. É esta a árvore que o Salmo 1 descreve e, certamente, muitas das coisas que nós não podemos ver em nossa vida, darão seus frutos nas próximas gerações. Esta é uma das muitas visões da fé bíblica: que não se perderá o rastro de espiritualidade e de afeto que nós deixarmos. Quem planta uma árvore sabe que dará frutos após muitos e muitos anos. São frutos que talvez não iremos comer, entretanto, nós temos a obrigação de plantar a árvore.

Há uma história que fala de um jovem que interroga um ancião, que estava plantando uma árvore que daria os seus frutos após muitíssimos anos. O jovem lhe diz: “Por que o senhor planta, se não comerá seus frutos?”. E o ancião lhe responde: “Meu pai também plantou uma árvore para mim. Eu planto árvores para os que virão”.

Estou certo de que em nossas orações, nas de meu querido amigo o Papa e nas minhas orações pessoais (porque cada vez que nós nos correspondemos, quando trocamos mensagens eletrônicas, acabamos dizendo que rezamos um pelo outro), estou certo de que compartilhamos esta visão do Salmo 1. Compartilhamos muitos sonhos e alguns deles se tornaram realidade. Esperamos poder continuar sonhando, transformando os sonhos em realidade, mas no profundo de nosso ser sabemos que o mais importante é o que não poderemos ver, mas que certamente, com a benção de Deus, um dia será realidade na face da terra. Muito obrigado!

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

“Compartilhamos muitos sonhos com o Papa”, afirma rabino Skorka - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV