Após denúncias de espionagem, FUP cobra cancelamento do leilão de Libra

Revista ihu on-line

Junho de 2013 – Cinco Anos depois.Demanda de uma radicalização democrática nunca realizada

Edição: 524

Leia mais

A esquerda e a reinvenção da política. Um debate

Edição: 523

Leia mais

A virada profética de Francisco – Uma “Igreja em saída” e os desafios do mundo contemporâneo

Edição: 522

Leia mais

Mais Lidos

  • Com crise e cortes na ciência, jovens doutores encaram o desemprego: 'Título não paga aluguel'

    LER MAIS
  • China. A visão de Xi Jinping sobre a governança global

    LER MAIS
  • "E o medo se fez governo. A única esperança é Francisco." Entrevista com Gianni Vattimo

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

Por: Cesar Sanson | 11 Setembro 2013

Diante da denúncia de que a Petrobras foi espionada pela Agência de Segurança Nacional (NSA) dos Estados Unidos, a  Federação Única dos Petroleiros (FUP) enviou à presidente Dilma Rousseff e outras autoridades, nessa segunda-feira (09), documento em que manifesta sua preocupação com a soberania nacional e faz um apelo ao governo brasileiro para que suspenda imediatamente o leilão do Campo de Libra, na Bacia de Santos, marcado para 21 de outubro.

A reportagem é do jornal Brasil de Fato, 10-09-2013.

A denúncia parte de mais documentos vazados, na semana passada, pelo o ex-consultor da CIA, o estadunidense Edward Snowden. Em seu documento, a FUP reitera que "não há dúvidas sobre as motivações comerciais na espionagem comandada pelo governo dos Estados Unidos e aliados, como a Inglaterra, cujas petrolíferas já se manifestaram interessadas nas reservas do pré-sal, e, particularmente, em Libra”.

Segundo estimativas iniciais da Agência Nacional de Petróleo (ANP), as reservas deste campo de petróleo podem ultrapassar os 12 bilhões de barris de óleo. No documento, a FUP também ressalta que "sozinho, o campo de Libra equivale a mais de 80% de todas as reservas provadas da Petrobras, descobertas ao longo de seus 60 anos de atuação".

"Diante de todas as evidências de que a espionagem do governo dos Estados Unidos tem caráter estritamente comercial e, consequentemente, privilegia as petrolíferas norte-americanas, torna-se urgente a suspensão imediata do leilão de Libra. Em nome dos trabalhadores petroleiros, a FUP espera que o governo brasileiro tome todas as providências necessárias para defender a Petrobras e a soberania nacional", conclui o documento.

A solicitação também foi enviada ao ministro das Minas e Energia, Edison Lobão, à presidente da Agência Nacional de Petróleo, Magda Chambriard, ao presidente da Câmara dos Deputados Federais, Henrique Eduardo Alves, ao presidente do Senado, Renan Calheiros, ao presidente do Superior Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, à presidente da Procuradoria Geral da República, Helenita Acioli, e ao presidente do Tribunal de Contas da União, Augusto Nardes.

Veja também:

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Após denúncias de espionagem, FUP cobra cancelamento do leilão de Libra - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV