Paulo VI, o Papa de muitos recordes

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • O ataque ao Capitólio e a tentativa de golpe contra o Papa Francisco. Artigo de Massimo Faggioli

    LER MAIS
  • “A pandemia demonstrou as consequências de 40 anos de neoliberalismo”, avalia Joseph Stiglitz

    LER MAIS
  • Carta ao Povo Brasileiro: por vacina para todos, retorno do auxílio emergencial, mais recursos para o SUS e Fora Bolsonaro

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Por: Jonas | 08 Agosto 2013

Por ocasião dos 35 anos da morte de Paulo VI (na foto, em sua juventude), “L’Osservatore Romano” relembra muitas das novidades de seu Pontificado.

A reportagem é publicada no sítio Vatican Insider, 06-08-2013. A tradução é do Cepat.

 

Fonte: http://goo.gl/KO3a1A

 

“Foi o primeiro Papa peregrino na Terra Santa, o primeiro que falou na sede das Nações Unidas, o primeiro que deixou o Vaticano para visitar os países mais pobres”. “L’Osservatore Romano”, seguindo o livro “Os gestos proféticos de Paulo VI”, de monsenhor Ettore Malnati, indicou uma lista de “recordes” do Pontificado de Montini, cuja morte, há 35 anos atrás, é lembrada hoje.

“Renunciou a tiara para dar o valor da venda aos pobres do mundo. Com o Patriarca Atenágoras cancelou as excomunhões milenares entre a Igreja de Roma e a de Constantinopla – uma aproximação que havia sido anunciada dois anos antes (em janeiro de 1964), com o histórico abraço de Jerusalém, com o religioso oriental – e quis celebrar o Natal em Italsider de Taranto, como já havia feito com as vítimas das inundações de Florença”, escreveu o jornal da Santa Sé.

Após 35 anos de sua morte em Castel Gandolfo, ocorrida no dia 6 de agosto de 1978, nesta tarde, será celebrada uma missa na Basílica de São Pedro, no Altar da cátedra, pelo bispo de Bérgamo, dom Francesco Beschi.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Paulo VI, o Papa de muitos recordes - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV