Dilma faz mea culpa diante de centrais sindicais

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • Uma heresia pós-moderna: o uso distorcido da religião para sustentar teorias da conspiração

    LER MAIS
  • O testamento de Dom Jacques Noyer, bispo francês. “O celibato eclesiástico é uma falsa aventura”

    LER MAIS
  • As grandes mulheres por trás das vacinas contra o Covid

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


04 Agosto 2011

"Vocês tem razão em relação à crítica, nós vamos melhorar esse método e não chamar vocês apenas para informar as medidas, mas construir um processo coletivo de discussão das medidas antes delas serem anunciadas". A afirmação é da presidenta Dilma Roussef em reunião com as centrais sindicais.

O presidente da CUT, Artur Henrique, em entrevista ao sítio do jornalista Luiz Carlos Azenha, 04-08-2011, relata o mea culpa da presidenta:

"Queria te dar uma informação absolutamente nova, que acabou de acontecer uma nova reunião em Brasília com as centrais sindicais e os ministros, para dar continuidade a esse debate e tivemos a participação da presidente da República, a Dilma compareceu à reunião, fez um mea culpa, vamos dizer assim, dizendo, olha, vocês tem razão em relação à crítica, nós vamos melhorar esse método e não chamar vocês apenas para informar as medidas, mas construir um processo coletivo de discussão das medidas antes delas serem anunciadas, já orientei isso aos ministros,então quero aqui dizer que vocês tem toda a razão de não ter sido chamados com antecedência para a negociação, acho que foi um erro nosso que não pode permitir que continue, mas quero dizer a vocês que nem os empresários, eles também reclamam que a gente não conseguiu fazer a conversa com os empresários, então, eu já orientei os ministros que nós precisamos mudar esse método e construir um diálogo mais permanente, um dialógo mais… que fortaleça essa negociação e esse olhar da participação de trabalhadores, de empresários e do governo nas políticas que nós estamos implementando".

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Dilma faz mea culpa diante de centrais sindicais - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV