Escoamento das águas pluviais pode ser uma grande fonte de microplásticos

Revista ihu on-line

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Mais Lidos

  • “Os pecados da carne não são os mais graves. Os mais graves são aqueles que têm mais 'angelicalidade': a soberba, o ódio”. Entrevista do Papa Francisco

    LER MAIS
  • Digital, serial, algorítmica, a cultura do século XXI chegou

    LER MAIS
  • Ômicron, natureza e arrogância humana: uma guerra entre patógenos e humanos. Artigo de Alexandre A. Martins

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


29 Mai 2021

 

Pesquisadores relatam que as águas pluviais podem ser uma grande fonte de microplásticos e fragmentos de borracha para corpos d’água.

A reportagem é publicada por American Chemical Society e reproduzida por EcoDebate, 28-05-2021. A tradução e edição são de Henrique Cortez.

Nas cidades, chuvas fortes levam embora a lama que se acumula nas calçadas e estradas, recolhendo todo tipo de entulho. No entanto, a quantidade de poluição microplástica eliminada por esse escoamento é atualmente desconhecida. Agora, pesquisadores da ACS ES&T Water relatam que as águas pluviais podem ser uma grande fonte de microplásticos e fragmentos de borracha para corpos d’água e, com um experimento de prova de conceito, mostram que um jardim de chuva pode manter esses pedaços microscópicos fora de um ralo.

A maioria dos bueiros das cidades acaba descarregando diretamente em pântanos, riachos ou rios. A água da chuva que corre para esses drenos torna-se uma mistura de tudo o que está no solo, incluindo sujeira e aparas de grama, vazamento de fluidos de carros, fertilizantes e lixo.

Recentemente, pesquisadores também descobriram que chuvas fortes podem deslocar os microplásticos, levando-os para as águas pluviais, mas a importância desse escoamento como fonte de contaminação não é bem compreendida.

Portanto, Chelsea Rochman e seus colegas queriam ver se os microplásticos e outras partículas minúsculas são transportados para os cursos d’água por tempestades em áreas urbanas e se um jardim de chuva poderia impedir que isso aconteça

Os pesquisadores coletaram água durante fortes tempestades de 12 córregos que desaguam na Baía de São Francisco. Primeiro, eles separaram as micropartículas flutuantes – que eles definem como menos de 5 mm de tamanho – por cor e forma e as registraram, encontrando concentrações mais altas nos riachos do que os pesquisadores anteriores haviam encontrado em águas residuais tratadas que eram descarregadas na baía. Fibras microscópicas e fragmentos de borracha pretos eram as micropartículas mais comuns, enquanto detritos naturais, vidro, tinta e lã eram apenas componentes menores.

Em seguida, a equipe identificou um subconjunto de fragmentos de plástico ou borracha como sendo feito principalmente de polímeros plásticos ou outros materiais sintéticos, e muitas das partículas pretas de borracha originadas de pneus. Finalmente, os pesquisadores compararam as micropartículas que entram em um jardim de chuva com as do jardim de escoamento em um ralo de chuva.

Seus resultados mostraram que o jardim de chuva capturou 91 a 98% das micropartículas e 100% dos fragmentos borrachosos pretos durante três eventos de chuva. Os pesquisadores dizem que, embora os jardins pluviais sejam conhecidos por reduzir a quantidade de metais, nutrientes e outros poluentes no escoamento das águas pluviais, este estudo mostra que os jardins pluviais também podem ser eficazes na redução da poluição microplástica.

 

Leia mais

 

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Escoamento das águas pluviais pode ser uma grande fonte de microplásticos - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV