Não à PEC 32/2020 – Nota da Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Sociotransformadora

Revista ihu on-line

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Mais Lidos

  • O suicídio no clero do Brasil

    LER MAIS
  • “Agro é fogo”: incêndios no Brasil estão ligados ao agronegócio e ao avanço da fome, diz dossiê

    LER MAIS
  • Polícia de RO invade casa de advogada para apreender material de defesa de camponeses

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


06 Agosto 2021

 

"Nos unimos aos muitíssimos apelos da sociedade brasileira para que o Legislativo Federal recuse a PEC 32/2020 e lance um processo amplamente representativo de consulta e debate sobre a Reforma Administrativa que o Brasil realmente necessita e nosso povo almeja", escrevem os bispos da Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Sociotransformadora, em nota publicada por Conferência Nacional dos Bispos do Brasil - CNBB, 04-08-2021.

 

Eis a nota.

 

Nós, Bispos da Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Sociotransformadora, em conformidade com a missão que nos é confiada pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), sensíveis à situação atual de nosso país, nos manifestamos contra a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 32/2020, do Poder Executivo, sobre a Reforma Administrativa, que tramita na Câmara dos Deputados.

Em sintonia com muitos segmentos democráticos da sociedade brasileira, reconhecemos que essa PEC, ao contrário do que seus defensores afirmam, precarizará ainda mais os serviços públicos e as condições de trabalho da maioria dos servidores. Essa PEC, na lógica neoliberal do governo atual, na realidade tornará o Estado menos eficiente, sobretudo em seu papel de promover bem-estar e justiça social.

Se a Reforma Administrativa for, de fato, necessária, deverá ser socialmente orientada e decidida de forma democrática. Por isso, nos unimos aos muitíssimos apelos da sociedade brasileira para que o Legislativo Federal recuse a PEC 32/2020 e lance um processo amplamente representativo de consulta e debate sobre a Reforma Administrativa que o Brasil realmente necessita e nosso povo almeja.

Fraternalmente, em Cristo.

Dom José Valdeci Santos Mendes

Bispo de Brejo – MA

Presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Sociotransformadora

Para ler o documento original, clique aqui.

 

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Não à PEC 32/2020 – Nota da Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Sociotransformadora - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV