Mensagem do Papa aos juízes franciscanos: ‘Nada melhor que um Poder Judiciário forte e honesto’

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • A fé do Brasil dividido

    LER MAIS
  • Núcleo de pesquisa da USP publica nota sobre criacionismo defendido por novo Presidente da CAPES

    LER MAIS
  • Com Francisco ou fora da Igreja. O duro desabafo do presidente da CEI

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

25 Novembro 2019

O Sumo Pontífice se dirigiu aos magistrados reunidos no Brasil por uma carta.

A reportagem é de Virginia Bonard, publicada por Infobae, 23-11-2019. A tradução é de Wagner Fernandes de Azevedo.

O papa Francisco se fez presente, através de uma carta, na Primeira Sessão da Junta Promotora da Cúpula Pan-Americana de Juízas e Juízes pelos Direitos Sociais e a Doutrina Franciscana, que ocorreu em Porto Alegre.

Depois de dar seu apoio à Cúpula Pan-Americana destacando “que há muito por ser feito e que a tarefa é árdua”, o Santo Padre ratificou sua postura sobre o Poder Judicial frente aos governos que vulneram direitos sociais: “Como já apontei no encontro de Roma, não há democracia com fome, nem desenvolvimento com pobreza, nem justiça com desigualdade. Quando a irracionalidade e a violência pretendem ser projetos políticos e ocupar cargos de governo, nada melhor que um Poder Judicial forte e honesto, comprometido com o ser humano e o planeta, para impedir a anomia, a degradação e o descarte”.


Carta enviada pelo papa Francisco

Primeira Sessão da Junta Promotora do Cúpula Pan-Americana de Juízas e Juízes pelos Direitos Sociais e a Doutrina Franciscana, a meu ver, foi um êxito. É muito importante cumprir com o mandato de Sua Santidade quanto à aprovação do estatuto, designação de autoridades – afirmou ao Infobae o Dr. Gustavo Moreno, assessor tutelar na Câmara do Foro de Direito Administrativo e Tributário da cidade de Buenos Aires. O Dr. Gallardo é o presidente da Junta Promotora e a vice-presidente é a Dra. Ana Algorta Latorre, do Brasil, além da integração dos membros do Peru, do Chile, da Colômbia e, evidentemente, do Brasil e Argentina. Cumprimos com a primeira etapa de formação aprovando um plano bienal que prevê que nos reunamos, em 4 de dezembro, no Peru. O Dr. Gallardo irá ao Vaticano, no Encontro de Mulheres Juízas Africanas, já estaremos concluindo os encontros em Iguazú e Colômbia, e terminaremos, certamente, nos Estados Unidos, em Nashville com a representante norte-americana da Junta Promotora. Ao sairmos com três documentos, sobre a situação do Chile, Bolívia e Amazônia, que são três preocupações de Sua Santidade, cremos que estamos cumprindo, ao menos como Poder Judiciário forte e honesto, aquilo que quer o Papa, diante dos eventos de violência e, às vezes, frente ao descumprimento dos direitos sociais”.

Leia mais

 

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Mensagem do Papa aos juízes franciscanos: ‘Nada melhor que um Poder Judiciário forte e honesto’ - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV