As conversas do Papa com jesuítas

Revista ihu on-line

Vilém Flusser. A possibilidade de novos humanismos

Edição: 542

Leia mais

Vilém Flusser. A possibilidade de novos humanismos

Edição: 542

Leia mais

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Mais Lidos

  • “A Terra é um presente para descobrir que somos amados. É preciso pedir perdão à Terra”, escreve o Papa Francisco

    LER MAIS
  • Piketty: a ‘reforma agrária’ do século XXI

    LER MAIS
  • Sínodo, o único sacerdote indígena: “Eu deixaria o sacerdócio se entendesse que o celibato não serve mais para mim”

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

12 Dezembro 2018

Ebook de 'La Civiltà Cattolica' reúne conversas do Papa com jesuítas ao redor do mundo.

"O ensinamento de Francisco é muito poderoso. Suas palavras nos permitem compreender melhor certos aspectos que ainda podem ser deduzidos de seu pontificado. Bergoglio deve ser entendido como estando numa viagem", escreve Antonio Spadaro, SJ, editor-chefe do La Civiltà Cattolica, em texto publicado por La Croix International, 11-12-2018. A tradução é de Victor D. Thiesen.

Eis o texto.

Está disponível gratuitamente um meio incomparável para entender o coração do Papa Francisco e o senso de missão que impulsiona suas reformas. É a primeira edição de uma série especial de livros eletrônicos (eBooks) do periódico inglês La Civiltà Cattolica, chamado de “Perspectives”.

Imediata, direta e intuitiva. É assim que a mensagem do Papa Francisco toca as pessoas. Sua capacidade de comunicar está enraizada numa experiência pastoral que naturalmente tende a criar relacionamentos autênticos. Sua autoridade nunca é expressada rigidamente como falam por aí. Em vez disso, sua personalidade flui para as pessoas com quem ele se comunica.

Este volume reúne algumas conversas que Francisco teve com os jesuítas durante suas viagens apostólicas a muitos países. Aqui fica claro como o Papa se ajusta às necessidades de cada grupo.

É possível analisar isso em sua abordagem, saudação e posição corporal. Francisco relaxa com os jesuítas. Ele se sente em casa. Desde a sua primeira viagem papal ao Brasil, Francisco busca sempre aproveitar belos encontros com os jesuítas locais.

Esse encontro pode se dar em mais de uma forma, como missa, uma saudação pessoal para um grupo ou até mesmo um diálogo. Obviamente, estas são palavras “privadas” e não circulam de forma generalizada.

Sempre participo dessas reuniões que tem a presença do nosso pontífice. Eu gravo suas palavras com meu smartphone, transcrevo tudo e depois as entrego a Francisco para que ele as possa ler. Se achar oportuno, ele aprova o texto para publicação em La Civiltà Cattolica.

Sua maneira de falar é muito descontraída, fraterna e espontânea. A partir de minha experiência pessoal, observo que estas conversas são sempre um eco da visita em curso.

Às vezes, elas fornecem uma chave para interpretar cada visita através da própria experiência do Papa. De fato, as viagens apostólicas seguem horários rigorosos, sem espaço para reflexão.

Assim, esses encontros com os jesuítas são muitas vezes um momento para Francisco dizer o que percebe sobre a viagem, suas primeiras reflexões e emoções.

Seu ensinamento é muito poderoso. Suas palavras nos permitem compreender melhor certos aspectos que ainda podem ser deduzidos de seu pontificado. Bergoglio deve ser entendido como estando numa viagem.

A conversa é uma forma de expressão particularmente alinhada com as formas dinâmicas de seu pontificado.

Devemos também destacar o fato de que, de maneira muito livre, Francisco ressaltou missões específicas para a Companhia de Jesus. Em particular, a tarefa de ensinar o “discernimento”.

Se eu tivesse que dar como testemunho meu relato dessas conversas, teria dificuldade em as resumir. Sempre senti uma grande sensação de normalidade, das coisas aparentarem ser naturais, mas também a sensação de observar um vulcão em erupção.

Estas são duas emoções distintas e que não podem ser separadas durante a jornada de Francisco. Eu confio que o leitor será atraído para esse dinâmico e generativo "caos tranquilo".

Para baixar o eBook, clique aqui.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

As conversas do Papa com jesuítas - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV