Perú aprova lei para construir estrada na Amazônia

Revista ihu on-line

Vilém Flusser. A possibilidade de novos humanismos

Edição: 542

Leia mais

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Mais Lidos

  • Está chegando o cato-fascismo

    LER MAIS
  • Sigilo em torno do Sínodo da Amazônia mostra tensão entre transparência e discernimento

    LER MAIS
  • O encontro com Esther Duflo, Prêmio Nobel de Economia

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

25 Janeiro 2018

Para presidente da Comissão de Povos, lei atenta contra o direito dos indígenas.

A informação foi publicada por Jornal Destak, 23-01-2018.

O Congresso do Peru anunciou a promulgação de uma lei que permite a construção de rodovias na Amazônia, na fronteira com o Brasil. A norma declara como “prioridade e interesse nacional a construção de rodovias em zonas de fronteira e a manutenção de estradas de caminhão no departamento de Ucayali”.

A iniciativa do congressista Glider Ushñahua foi respaldada pelo partido Força Popular, de ampla maioria no Congresso e liderado pela congressita Keiko Fujimori, filha do ex-presidente do Perú, Alberto Fujimori.

O Ministério da Cultura, que tem entre suas funções proteger os povos indígenas, rejeitou o projeto durante o debate por considerar que ele vulnerabilizava ainda mais os povos originários. A lei, contudo, foi aprovada e promulgada pelo Congresso.

O presidente da Comissão de Povos, Marco Arana, rejeitou a rmedida por considerar que ela atenta contra o direito dos indígenas em isolamento que subsistem em condições de extrema vulnerabilidade.

Igreja

Em sua última visita ao país, entre os dias 18 e 21 de janeiro, o papa Francisco foi à cidade amazônica de Puerto Maldonado, região de Madre de Dios, e pediu ao governo que defendesse a floresta. “Provavelmente os povos amazônicos originários nunca estiveram ameaçados em seus territórios como estão agora”, disse o pontífice, que lamentou “as profundas feridas que a Amazônia e seus povos carregam”.

Leia também

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Perú aprova lei para construir estrada na Amazônia - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV