Círio de Nazaré na era tecnológica: Maria é mobile e se faz GIF

Revista ihu on-line

Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

Edição: 546

Leia mais

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Mais Lidos

  • Abuso de autoridade na igreja. Problemas e desafios da vida religiosa feminina

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


10 Outubro 2017

"Todo ano, o Círio traz novidades tecnológicas, já que não há como negar que os meios tecnológicos digitais vieram para ficar, em todos os âmbitos da vida cotidiana. Um exemplo de atualização tecnológica do Círio de Nazaré, realizada a cada ano, é o aplicativo da festa religiosa", constataThamiris Magalhães, mestre em Comunicação e professora da Feapa, em artigo publicado por O Liberal, 08-10-2017. 

Eis o artigo. 

Maria, Estrela da Evangelização”. Com este tema nos é apresentado mais um Círio de Nazaré. Em 2017, os devotos de Maria realizam a sua 225ª edição. A festa religiosa abrange uma série de eventos, cujo ponto alto é a grande romaria pelas ruas de Belém, no segundo domingo de outubro. Em 2016, cerca de dois milhões de pessoas participaram do Círio, considerado a maior procissão religiosa do mundo.

É sempre importante frisar a importância da programação religiosa para o povo paraense que, a cada ano, celebra com o mesmo – ou maior – fervor, esta grande festa, com homenagens a Nossa Senhora de Nazaré, padroeira dos paraenses e Rainha da Amazônia. E não é só durante o segundo domingo de outubro. O clima da cidade começa a mudar já no mês anterior, quando nota-se a grande movimentação na cidade, com a chegada dos turistas, vindos do interior do Estado, de fora do Pará ou até mesmo de outros países. Além disso, percebe-se o cheiro de “maniva” que inunda a cidade, já que ela simboliza a culinária paraense durante toda a quadra nazarena. A culinária regional, aliás, tem seu ápice durante o Círio de Nazaré, pois logo após o término da procissão, os fiéis já estão preparados para o grande almoço do Círio, onde reúnem seus familiares, parentes e amigos para confraternizarem o Grande Dia: O Círio de Nazaré, festa da Rainha da Amazônia.

A festa do Círio de Nazaré não é e nem nunca foi apenas durante a grande procissão do segundo domingo de outubro. Ela é, ainda, repleta de símbolos, signos, representações, significados e histórias. De outros Círios. Dos Círios dos interiores. De histórias de superação, de vitórias, de fé e devoção a Nossa Senhora. Ela é a culinária. Os brinquedos de Miriti. As crianças. Os anjos. Os promesseiros, vindos de todos os quatro cantos do Estado. Ela é O Círio Fluvial, as embarcações. Os motorromeiros. As peregrinações realizadas nos bairros, meses antes o grande dia da procissão na capital. Os fogos. Enfim, é todo um clima singular do povo do Pará, que só quem vive sabe do que se trata... E como sabe!

O Círio e a Midiatização Religiosa por meio dos Apps

Todo ano, o Círio traz novidades tecnológicas, já que não há como negar que os meios tecnológicos digitais vieram para ficar, em todos os âmbitos da vida cotidiana. Um exemplo de atualização tecnológica do Círio de Nazaré, realizada a cada ano, é o aplicativo da festa religiosa.

App Oficial do Círio de Nazaré

Segundo informações do próprio site oficial do Círio, a tecnologia faz com que os fiéis conheçam um pouco da história do Círio de Nazaré, suas tradições, símbolos, orações e músicas. “Fique por dentro da programação da festa e acompanhe o posicionamento da Berlinda de Nossa Senhora de Nazaré em tempo real durante todas as romarias oficiais”, é o que sugere o app. Desenvolvido pela empresa paraense Ideias Mobile, o aplicativo pode ser baixado gratuitamente nos celulares Sistemas Android e IOS (Iphone).

As suas funcionalidades são: traz as orações do Terço e o Livro de Peregrinações para auxiliar os fiéis durante as tradicionais romarias pelos lares paraenses, quando familiares e amigos se reúnem em oração preparando-se para o Círio; faz com que o fiel acompanhe pelo seu smartphone a liturgia diária. Conheça as histórias, símbolos, orações, cartazes, procissões, hinos e informações sobre a festa nazarena. Além disso, proporciona conhecer os diretores, realizadores e patrocinadores da festa. Ademais, disponibiliza a programação completa do Círio: celebrações, romarias e Círio musical.

Outrossim, o fiel poderá acompanhar o posicionamento da Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Nazaré, em tempo real, em todas as romarias oficiais. No mural do Círio, ainda, é possível acompanhar algumas fotos postadas em tempo real pelos devotos com a hashtag #Cirio2017, nas redes sociais. Conta, também, com uma lista de telefones úteis como Bombeiros, Defesa Civil, Cruz Vermelha, dentre outros.

“KD a Berlinda?”

Outro aplicativo que vem ganhando cada vez mais adeptos é o “KD a Berlinda?”. Desenvolvida pela Empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação do Estado do Pará (Prodepa), a versão 2017 do aplicativo 'Kd a Berlinda?' já está disponível. O app monitora as doze romarias do Círio de Nossa Senhora de Nazaré. A nova versão inclui uma série de funcionalidades, como sensor de presença e traçado de rota.

Disponível em três plataformas: Android, iOS (Iphone e Ipad)Windows Phone, o “Kd a Berlinda?” é considerado um aplicativo nativo. Para fazer o dowload, é só acessar a loja dos aplicativos de graça, sem nenhum custo, e com um ícone, já abrir direto no mapa para visualizar onde está a Berlinda.

Funcionando desde 2012, o aplicativo monitora todo o percurso da Berlinda de Nossa Senhora de Nazaré, durante as romarias. O serviço captura as coordenadas da Berlinda por GPS em tempo real e transmitidas pela rede de telefonia móvel para um servidor. Para acessar o endereço eletrônico, clique aqui. O site é acessível por qualquer dispositivo móvel ou computador, é possível acompanhar o trajeto percorrido.

Estes aplicativos nos mostram a transposição de fronteiras pelo qual o Círio perpassa, onde as tecnologias e os dispositivos móveis ganham cada vez mais espaço e adeptos, nessa nova ambiência comunicacional, proporcionada pelo mundo novo em que vivemos, cada vez mais em vias de midiatização. Neste caso, em vias de midiatização religiosa crescente, com o Círio de Nazaré a cada ano mais tecnológico e midiatizado.

O Círio e a Midiatização por meio do WhatsApp

Outra questão que merece destaque e ser permanentemente debatida é a Midiatização por meios das redes de relacionamento digitais (Facebook, Twitter, Blogs etc.), que também fazem emergir um novo modo de ser religioso, um novo modo de ser fiel e de se (re) fazer o Círio de Nazaré, por meio da Internet.

Pessoas de qualquer canto do mundo ou ao lado da Praça Santuário de Nazaré podem usufruir de uma mesma experiência, com apenas a utilização de um dispositivo na palma das mãos, que lhes proporciona acessar a página do Facebook Oficial do Círio, por exemplo, compartilhando e vivenciando emoções com os demais fiéis que compartilham fotos, vídeos, depoimentos, lembranças e homenagens nessas redes sociais digitais. Ou apenas compartilhando em seu mural algo relacionado ao Círio, utilizando a hashtag #CiriodeNazare, que pode haver um alcance imensurável... Enfim, são inúmeras as possibilidades de “ser” e “mostrar que se é fiel”, na Internet e nos dispositivos móveis, hoje disponíveis.

Há outra questão ainda pouco analisada, mas talvez bastante percebida pelos usuários do aplicativo WhatsApp, que são as correntes, imagens e vídeos, com a Imagem da Santa e demais relacionadas ao Círio durante toda a quadra nazarena e que floresce no Domingo do Círio. São inúmeras fotos, vídeos, mensagens, homenagens e até GIF’s enviados aos demais usuários e que são replicados pelos milhões de celulares que possuem o aplicativo ao redor do mundo.

Um exemplo bastante interessante é o GIF abaixo que tem circulado bastante nos WhatsApp’s, principalmente dos usuários paraenses, dias e até mesmo meses antes do segundo domingo de Outubro de 2017:

 

Este GIF, ao ser clicado pelo usuário, mostra em 360º a imagem da Basílica Santuário de Nazaré, possibilitando uma experiência singular aos usuários do App que, não apenas vivenciam o momento, como também replicam a imagem, compartilhando com demais usuários, grupos e etc. Todas essas experiências midiatizadas fazem com que a imagem chegue a milhões de pessoas e tenha uma divulgação imensurável, proporcionando que outras tenham momentos únicos de fé e devoção a Nossa Senhora, por meio de diferentes formatos e tecnologias. O que não deixa de ser relativamente novo e complexo.

Logo, percebe-se que há, sem dúvida, uma nova forma, cada vez mais vigente, de se fazer o Círio, de ser fiel, de se mostrar aos demais que se é fiel e de ser religioso nos dias atuais. Em relação a isso, não há dúvidas. O que merece ser questionado e debatido que, acredito, ainda se faça pouco, é perceber de que maneira estas experiências estão sendo realizadas e como isso impacta o cotidiano das experiências religiosas dos fiéis, se e como altera suas rotinas e seus modos de ser religiosos e de propagarem a fé, percebendo até que ponto isso não altera ou pode alterar o próprio funcionamento das instituições religiosas presenciais. É algo complexo que merece ser (re) visto e debatido, no mundo pós-moderno de hoje.

Festa de Encerramento

Além de tudo o que já foi citado, há mais uma novidade: Este ano, o espetáculo de encerramento da festa paraense será diferente. Haverá um vídeo mapping com projeção na Basílica Santuário de Nazaré, contando toda a história do Círio, desde o achado da Imagem até os dias de hoje. Com isso, o tempo do show pirotécnico será reduzido.

De acordo com o Diretor Coordenador do Círio 2017, Roberto Souza, as mudanças visam proporcionar maior conforto e segurança para todos os romeiros que acompanham e vivem o Círio de Nazaré: “Cada modificação feita pelos órgãos de segurança do Estado, em parceria com a Diretoria da Festa, é pensada sempre com o objetivo de assegurar o bem estar de todos que vem a Belém participar da maior manifestação de fé do mundo. São mais de dois milhões de fiéis que saúdam Nossa Senhora de Nazaré e, para estes, buscamos proporcionar sempre o melhor”.

Um Feliz e Abençoado Círio a todos nós!!!

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Círio de Nazaré na era tecnológica: Maria é mobile e se faz GIF - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV