Francis Clooney, SJ, teólogo, recebe o Prêmio John Courtney Murray

Revista ihu on-line

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Clarice Lispector. Uma literatura encravada na mística

Edição: 547

Leia mais

Mais Lidos

  • Pornô e sedução em contexto de vida religiosa

    LER MAIS
  • Padres da Caminhada & Padres contra o Fascismo emitem nota de solidariedade à Via Campesina, MST, Dom Orlando Brandes, CNBB e Papa Francisco

    LER MAIS
  • “Devemos conceber o catolicismo de outra maneira”. Entrevista com Anne-Marie Pelletier

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


14 Junho 2017

Considerado o fundador da teologia comparada moderna, o padre jesuíta Francis Xavier Clooney recebeu o Prêmio John Courtney Murray 2017 por distinção na área da teologia. O prêmio foi concedido pela Catholic Theological Society of America (Sociedade Teológica Católica da América) em sua convenção anual em Albuquerque, no Novo México.

A reportagem é de Heidi Schlumpf, publicada por National Catholic Reporter, 11-06-2017. A tradução é de Isaque Gomes Correa.

A escolha de Clooney reflete “a esperança de que um crescimento na profundidade da nossa compreensão, tanto da tradição cristã quanto da realidade de Deus, continua sendo possível em nossos dias”, disse o padre jesuíta David Hollenbach, presidente da associação teológica, acrescentando que a obra de Clooney é “profundamente tradicional e criativamente original” e que tem “contribuído tanto para o entendimento inter-religioso quando para a teologia cristã”.

Clooney é professor de teologia e teologia comparada da Universidade de Harvard. Foi diretor do Centro de Estudos das Religiões Mundiais da mesma instituição. Lecionou na Boston College por 21 anos antes de ir para Harvard.

Especialista em hinduísmo e religiões do Sul da Ásia, Clooney, depois de se formar na faculdade e de entrar para a Companhia de Jesus, teve a inspiração de ir lecionar em Kathmandu, no Nepal.

Em seu discurso, ele salientou a importância de “olhar para dentro do mundo de uma forma mais ampla” a partir da tradição católica. “Tive de encontrar uma maneira de ser teólogo católico e levar a sério este outro mundo extremamente vasto do hinduísmo”, disse. “Não havia uma maneira imediata de fazer essas coisas (…) Tive de inventar este campo de estudos para desempenhar o trabalho que queria fazer”.

Clooney é bacharel em filosofia pela Fordham University, de Nova York, possui mestrado em teologia pela Weston School of Theology e doutorado em línguas sul asiáticas e civilização pela Universidade de Chicago.

É autor de 14 livros e mais de 200 artigos acadêmicos. Entre sua obra, destacam-se: “Hindu Wisdom for All God’s Children” (1998); “Hindu God, Christian God: How Reason Helps Break Down the Boundaries Between Religions” (2001); e “Divine Mother, Blessed Mother: Hindu Goddesses and the Virgin Mary” (2005).

Clooney reconheceu seus irmãos e irmãs protestantes, ortodoxos, judeus, muçulmanos, budistas e hindus. “Teologicamente, de alguma forma temos de estar em nossa tradição e também dar um passo além”, disse. “Essa ideia de encontrar Deus em todas as coisas, encontrar Deus no mundo ao nosso redor, reafirmando Deus onde Deus deve ser encontrado é uma coisa que sempre tentei fazer”.

Fazendo notar que a ideia de linhagem é importante na Índia, o religioso reconheceu também os que o antecederam na recepção do Prêmio John Courtney Murray e outros teólogos que o influenciaram, inclusive a Irmã Barbara Agnew (Congregação do Preciosíssimo Sangue), que o incentivou no começo de sua carreira e que foi lembrada no início da conferência. A Irmã Barbara faleceu no ano passado.

“Ela sempre nos incentivou”, disse Clooney, ao recordar a vez em que ela lhe falou: “O seu trabalho é muito importante. Não deixe ninguém interromper o que está fazendo. Nunca desista”.

Por fim, agradeceu a Catholic Theological Society of America pelo trabalho desenvolvido ao longo dos anos. “Estar aqui é fazer parte de uma linhagem que remonta ao começo”, disse. “É uma grande honra”.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Francis Clooney, SJ, teólogo, recebe o Prêmio John Courtney Murray - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV