Deus e a dignidade humana. Um estudo conjunto de luteranos e católicos e o consenso em matéria de ética

Revista ihu on-line

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Do ethos ao business em tempos de “Future-se”

Edição: 539

Leia mais

Mais Lidos

  • Por que o Papa Francisco não tem medo de um cisma

    LER MAIS
  • Os 12% do presidente – em que lugar da sociedade habita o bolsonarista convicto?

    LER MAIS
  • O cardeal Burke inicia a cruzada contra o Sínodo sobre a Amazônia, com base em um documento herético

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

10 Março 2017

O Grupo de Trabalho Bilateral (ou Bilateral Working Group – BILAG III) da Igreja Evangélica Luterana Unida da Alemanha – VELKD e da Conferência dos Bispos Alemães lançou uma nova publicação intitulada “God and Human Dignity” (Deus e a dignidade humana).

A informação é publicada pela Federação Luterana Mundial, 09-03-2017. A tradução é de Isaque Gomes Correa.

O grupo de trabalho voltou-se a temas relacionados à antropologia e ao discernimento ético entre católicos e luteranos durante vários anos. Os presidentes do grupo são o bispo católico Dr. Gerhard Feige, de Magdeburg, e o bispo luterano Dr. Karl-Hinrich Manzke, de Bückeburg.

“Num longo e intenso processo de diálogo, chegamos à conclusão de que há um consenso fundamental em antropologia e em aspectos amplos do campo da ética. Aqui também o princípio aplica-se, de que há mais coisas nos unindo do que nos dividindo”, declarou Feige, presidente também da comissão para o ecumenismo da Conferência dos Bispos Alemães.

“No estudo, as diferenças existentes são denominadas ‘dissenção limitada’, que não removem os pontos fundamentais em comum, nem nos livra da responsabilidade conjunta de proteger a dignidade humana”.


Posição conjunta a favor da dignidade humana


O III Grupo de Trabalho Bilateral vem trabalho sobre o tópico Deus e a Dignidade Humana desde 2009. Ele foi proposto pela Conferência dos Bispos Alemães e pela VELKD. O estudo mostra áreas que as duas igrejas mantêm em comum no tocante à antropologia e ao discernimento ético.

O Grupo busca ajudar os membros de ambas as instituições a melhor compreender os possíveis conflitos e a lidar com eles de um modo adequado. Além disso, mostra que, apesar de diferenças individuais em questões éticas, é possível que as igrejas assumam uma posição comum, convincente a favor da dignidade humana no tocante a questões éticas como a pesquisa com células-tronco, pobreza e educação infantil e morte assistida.
“Em vista dos debates atuais sobre políticas sociais, desejamos fortalecer os fundamentos antropológicos comuns da fé cristã baseados no testemunho bíblico”, sublinha Manzke, bispo de Schaumburg-Lippe e porta-voz da VELKD para as relações luterano-católicas.

“Estou convencido de que as declarações de nosso relatório final podem levar as nossas igrejas a se unirem em nome da dignidade humana, onde quer que ela seja questionada ou espezinhada”.

A VELKD vem mantendo diálogo com a Conferência dos Bispos Alemães desde 1976 visando desvendar questões teológicas polêmicas. O estudo há pouco publicado é o terceiro após “Comunhão em Palavra e Sacramento” (1984) e “Communio Sanctorum: A Igreja e como comunhão dos santos” (2000).

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Deus e a dignidade humana. Um estudo conjunto de luteranos e católicos e o consenso em matéria de ética - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV