Meia Noite. Louise Glück na oração inter-religiosa desta semana

Foto: PxHere

24 Setembro 2021

 

Neste espaço se entrelaçam poesia e mística. Por meio de orações de mestres espirituais de diferentes religiões, mergulhamos no Mistério que é a absoluta transcendência e a absoluta proximidade. Este serviço é uma iniciativa feita em parceria com o Prof. Dr. Faustino Teixeira, teólogo, professor e pesquisador do PPG em Ciências da Religião da Universidade Federal de Juiz de Fora.

 

Meia Noite

 

Até que enfim a noite me cercou;

flutuei sobre ela, talvez no fundo dela,

ou ela me levou como um rio leva

um barco, e ao mesmo tempo

ela rodopiou por cima de mim,

estrelada apesar de escura.

Levei toda a minha vida para chegar aqui.

Uma força misteriosa me ergueu por cima do mundo

impossibilitando toda ação,

o que tornou o pensamento não só possível, como ilimitado.

E aquilo não tinha mais fim. Sentia que não

precisava fazer nada. Tudo

seria feito para mim, ou feito contra mim

e, se não fosse feito, não era

vital (...).

 

Fonte: Louise Glück. Poemas 2006-2014. São Paulo: Companhia das Letras, 2021, p. 417 (trecho do poema Meia Noite)

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV