Páscoa: A vida voltou, obrigado a você que ajudou fazer isso realidade

Revista ihu on-line

Caetano Veloso. Arte, política e poética da diversidade

Edição: 549

Leia mais

Mulheres na pandemia. A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos

Edição: 548

Leia mais

Clarice Lispector. Uma literatura encravada na mística

Edição: 547

Leia mais

Mais Lidos

  • Os católicos ainda leem? Sinodalidade e a “Igreja que escuta” nesta era digital. Artigo de Massimo Faggioli

    LER MAIS
  • Estou obcecado pelo Evangelho. O Evangelho não é Religião. Artigo de José María Castillo

    LER MAIS
  • Tenho medo dos padres

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


11 Abril 2020

Apostar na vida é sempre uma necessidade, ainda mais neste tempo que a humanidade está passando. Se nós cristãos celebramos e proclamamos a Ressurreição neste dia, é porque Deus apostou na vida. Surge uma pergunta que nos leva a questionar a nós mesmos: até que ponto estou ajudando a vida vencer?

O comentário é de Luis Miguel Modino.

A vida triunfa quando somos capazes de semea-la ao nosso redor, quando não nos fechamos em nosso mundinho, algo que nos apodrece por dentro e acaba nos matando. A vida triunfa quando a a colocamos ao dispor dos outros, quando a entregamos, quando a damos ao outro, àquele que com essa vida que surgiu de nós foi capaz de reativar a dele. A vida triunfa quando somos verdadeiramente humanos, porque quem ressuscitou é aquele que, sendo de condição divina, assumiu plenamente a condição humana.

Quando você vê que há muitos que ainda estão no pé do desfiladeiro, que não caem fora, a vida triunfa. São pessoas dispostas a ficar ao lado de alguém em uma UTI, que luta entre a vida e a morte, mostrando com um sorriso, que aparece por trás da máscara, uma ternura que nos remete ao Deus que, através de mãos humanas, cuida da vida. A vida também triunfa quando alguém deixa sua família em casa para ir trabalhar no supermercado e garante que você não perca seu sustento diário, quando um policial sai às ruas para impedir que a morte se espalhe com a falta de responsabilidade daquele que é egoísta e inconsciente. A vida é bem-sucedida quando alguém a expõe, para que os sinais vitais que nos sustentam como sociedade não sejam permanentemente extintos.

Não é hora de entrar em colapso, é hora de proclamar aos quatro ventos que a vida vencerá a batalha, que juntos vamos resistir, que faremos todos os esforços necessários para não deixar ninguém para trás, que, apesar dos momentos em que a gente fica para baixo, não deixaremos de sentir a força e o impulso daquele que apostou na vida. Isso deve um sentimento coletivo, mas deve assumir um vigor especial naqueles de nós que celebram a Páscoa hoje, que é o centro de nossa fé cristã.

Seremos testemunhas quando ficarmos pequenos, como as mulheres, as primeiras a anunciar a Ressurreição, e aquele grupo de galileus que realmente entendeu o que significava ser discípulos, estar disposto a arriscar suas vidas em favor dos outros, a dar tudo para que os mais pobres não percam a esperança. Quem acreditou neles, nao foi por causa de seu lugar na sociedade, mas por causa da força de seu testemunho, por causa da convicção com que anunciaram sua mensagem. Não esqueçamos que aqueles que mandavam, insistiam em que não se soubesse que a Vida tinha vencido, manipulando, querendo convencer o povo de que tudo era mentira, que viver em plenitude não era possível. Eles sempre se deram melhor e continuam se dando no meio das trevas da morte.

O modo de entender a vida mudou porque um pequeno grupo, com muito esforço e superando problemas, insistiu que a humanidade entendesse a novidade de Alguém que havia demonstrado com sua Ressurreição que a Vida sempre triunfa. Eles o anunciaram abertamente, corajosamente, sem recuar. Pouco a pouco, começaram a conquistar as pessoas, que também subiram no mesmo barco, embora no horizonte as nuvens aparecessem, ameaçando uma viagem conturbada.

É o que tem quando a gente aposta na Vida, que é algo que nos prende, que nos faz felizes, nos leva a desfrutar de nossa existência. A vida voltará se insistirmos nisso, se tornarmos realidade o que acreditamos e celebramos neste dia. Depende de todos, mas também depende de você, e especialmente de mim. É uma oportunidade de ser luz, de iluminar o futuro desde o Ressuscitado, que continuará nos trazendo momentos de alegria, nos quais continuaremos desfrutando de uma vida mais plena, na medida em que acreditamos que assim vai ser.

Obrigado a você, que ajudou e continuará a se esforçar para que a Vida volte! Feliz Páscoa!

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Páscoa: A vida voltou, obrigado a você que ajudou fazer isso realidade - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV