Patriarca Ecumênico Bartolomeu é homenageado pela Igreja da Suécia

Revista ihu on-line

Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

Edição: 545

Leia mais

Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

Edição: 544

Leia mais

Ontologias Anarquistas. Um pensamento para além do cânone

Edição: 543

Leia mais

Mais Lidos

  • Bartomeu Melià: jesuíta e antropólogo evangelizado pelos guarani (1932-2019)

    LER MAIS
  • Bolsonaro institui o Dia do Rodeio na Festa de São Francisco de Assis

    LER MAIS
  • “O transumanismo acredita que o ser humano está em um suporte equivocado”, afirma filósofo

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

04 Outubro 2019

O Patriarca Ecumênico Bartolomeu I recebeu a Placa de St Erik pelo seu compromisso com a liberdade religiosa, os direitos humanos e o cuidado com a criação. A arcebispa da Igreja da Suécia, Dr.ª Antje Jackelén (1), entregou o prêmio no dia 1º de outubro, durante a visita do líder da Igreja Ortodoxa à Igreja Luterana.

A nota é publicada por Federação Luterana Mundial, 03-10-2109. A tradução é de Moisés Sbardelotto.

A citação diz: “Sua Santidade, Arcebispo de Constantinopla, Nova Roma e Patriarca Ecumênico. Pelos seus esforços para promover a liberdade religiosa e os direitos humanos, por chamar a atenção do mundo para as necessidades dos refugiados e por mostrar em todo o mundo que cuidar da criação é uma responsabilidade ecumênica e espiritual”.

Historicamente, o arcebispo da Igreja da Suécia entrega o Prêmio St Erik a líderes eclesiais e a outras lideranças que causaram impacto através de seu trabalho pela unidade da Igreja, pela assistência humanitária e pelo apoio aos suecos que vivem no exterior. Concedido desde 1996, o prêmio também reconhece o compromisso pela paz, a justiça de gênero e o combate à discriminação.

O Patriarca Ecumênico é a 25º liderança a receber da Placa de St Erik. Os homenageados anteriores foram, dentre outros, o arcebispo sul-africano Desmond Tutu (1999) e o arcebispo da Igreja da Inglaterra Rowan Williams (2006). Em 2007, o prêmio foi concedido ao Rev. Dr. Ishmael Noko, ex-secretário geral da Federação Luterana Mundial, e o cardeal Walter Kasper, então presidente do Pontifício Conselho para a Promoção da Unidade dos Cristãos.

Patriarca verde

O Patriarca Ecumênico Bartolomeu é o primeiro entre pares dos bispos ortodoxos orientais e atua como o principal porta-voz da Comunhão Ortodoxa, especialmente em contatos ecumênicos com outros órgãos eclesiais cristãos. No cargo desde 1991, ele sempre insistiu que as questões ecológicas são basicamente também questões existenciais e espirituais. Ele é frequentemente chamado de “patriarca verde” por causa do seu trabalho no cuidado da criação.

O Patriarca Ecumênico está visitando a Suécia e o Metropolitanado Ortodoxo Grego da Suécia e toda a Escandinávia nesta semana. Ele falou ao Sínodo Geral da Igreja da Suécia, onde foi convidado de honra.

Em antecipação à visita, a arcebispa Jackelén e o Patriarca Ecumênico Bartolomeu escreveram um artigo conjunto para o jornal sueco Dagens Nyheter, chamando para a ação na justiça climática.

“Há uma necessidade de justiça climática”, escreveram os dois líderes eclesiais, acrescentando que, muitas vezes, aqueles que contribuíram menos para o aquecimento global são os mais afetados pelas mudanças climáticas.

A crise climática é alimentada por estilos de vida que “fazem com que a cobiça pareça uma virtude”, observaram. É necessário uma “ação racional inspirada na melhor ciência disponível, além de uma compreensão existencial de como e por que sentimos e agimos como fazemos”.

A arcebispa Jackelén e o Patriarca Bartolomeu concluíram o artigo com um chamado à ação: “Devemos escolher a vida. Dar à Terra a oportunidade de se curar, para que possa continuar provendo a nós e para que as pessoas possam viver em um mundo caracterizado pela equidade, justiça e liberdade”.

Nota de IHU On-Line

1.- Antje Jackelen, Arcebispa da Igreja Luterana na Suécia, estará na Unisinos Campus Porto Alegre, no dia 15 de outubro. A programação completa pode ser vista aqui.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Patriarca Ecumênico Bartolomeu é homenageado pela Igreja da Suécia - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV