Primeira foto dos buracos negros: Consolmagno (Observatório do Vaticano), "novos horizontes na exploração da natureza em sua forma mais extrema"

Revista ihu on-line

Vilém Flusser. A possibilidade de novos humanismos

Edição: 542

Leia mais

Planos de saúde e o SUS. Uma relação predatória

Edição: 541

Leia mais

Hans Jonas. 40 anos de O princípio responsabilidade

Edição: 540

Leia mais

Mais Lidos

  • Os bispos do Sínodo farão um novo “Pacto das Catacumbas” para a Amazônia

    LER MAIS
  • A ideologização da Sociologia (além de uma simples distração). Artigo de Carlos Gadea

    LER MAIS
  • Críticos não percebem a importância global do Sínodo da Amazônia, afirma Peter Hünermann

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

12 Abril 2019

"Os buracos negros realmente existem como previsto pela teoria da relatividade geral de Einstein”. O jesuíta Guy Consolmagno, diretor do Observatório do Vaticano, comenta com a Sir a primeira fotografia de um buraco negro, no centro da galáxia M87 com a massa de seis bilhões e meio daquela do nosso Sol, realizada pelo consórcio "Event Horizon Telescope".

A informação é publicada por Agência SIR, 11-04-2019. A tradução é de Luisa Rabolini.

"Novos horizontes se abrem na exploração da natureza em sua forma mais extrema", continua o diretor do Observatório: "É, além disso, uma homenagem a como pessoas provenientes de muitas nações e culturas possam colaborar, trabalhando minuciosamente para alcançar um objetivo comum".

Consolmagno também se congratula porque o presidente do Conselho Científico do Eht, Heino Falcke, é um ex-aluno da escola de verão do Observatório do Vaticano em 1993.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Primeira foto dos buracos negros: Consolmagno (Observatório do Vaticano), "novos horizontes na exploração da natureza em sua forma mais extrema" - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV