Anselm Grün na oração inter-religiosa desta semana

Revista ihu on-line

Veganismo. Por uma outra relação com a vida no e do planeta

Edição: 532

Leia mais

Etty Hillesum - O colorido do amor no cinza da Shoá

Edição: 531

Leia mais

Missões jesuíticas. Mundos que se revelam e se transformam

Edição: 530

Leia mais

Veganismo. Por uma outra relação com a vida no e do planeta

Edição: 532

Leia mais

Etty Hillesum - O colorido do amor no cinza da Shoá

Edição: 531

Leia mais

Missões jesuíticas. Mundos que se revelam e se transformam

Edição: 530

Leia mais

Mais Lidos

  • Estive em 26 Universidades dos EUA e ninguém pensa duas vezes antes de definir Bolsonaro: “Fascista”

    LER MAIS
  • O encadeamento do racismo estrutural

    LER MAIS
  • Como a internet está matando a democracia

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

08 Março 2019

Neste espaço se entrelaçam poesia e mística. Por meio de orações de mestres espirituais de diferentes religiões, mergulhamos no Mistério que é a absoluta transcendência e a absoluta proximidade. Este serviço é uma iniciativa feita em parceria com o Prof. Dr. Faustino Teixeira, teólogo, professor e pesquisador do PPG em Ciências da Religião da Universidade Federal de Juiz de Fora - MG.

Agradeço-te por todo instante

Eu te agradeço por todo instante,
pois em todo instante está comigo.
Em todo instante queres agraciar-me:
com a beleza da natureza,
que me dá prazer,
com encontros que me tocam,
com palavras que me mostram o caminho,
com um olhar gentil,
que abre o meu coração.
Eu te agradeço que me fizeste
assim como sou: singular e único.
Tu me acolheste para expressar
algo de ti neste mundo,
que só pode ser expresso por mim.
Por isto, eu agradeço-te por esta vida,
por todo instante em que posso respirar,
sentir, amar e alegrar-me.
Eu agradeço que estás junto a mim
e que me aceitas incondicionalmente,
mesmo que isto não seja tão fácil para mim.
Eu te peço que eu possa passar agradecido
pela vida e que, através da minha gratidão,
as pessoas que me cercam,
também se tornem abertas
para o mistério de sua vida.

(Fonte: Anselmo Grün. Meu livro de orações. Petrópolis: Vozes, 2015, p. 121)

Anselm Grün (Foto: Christliches Medienmagazin pro | Flickr CC)

Anselm Grün nasceu no dia 14 de janeiro de 1945, em Junkershausen, na Alemanha. Monge beneditino, é ecônomo da Abadia de Münsterschwarzach, perto de Würzburg, na Baviera. É autor de aproximadamente 300 livros com foco na espiritualidade. Dos seus livros, mais de 15 milhões de cópias foram vendidas em 30 idiomas.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Anselm Grün na oração inter-religiosa desta semana - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV