Vale do Sinos demitiu mais do que contratou no terceiro trimestre deste ano

Revista ihu on-line

Etty Hillesum - O colorido do amor no cinza da Shoá

Edição: 531

Leia mais

Missões jesuíticas. Mundos que se revelam e se transformam

Edição: 530

Leia mais

Nietzsche. Da moral de rebanho à reconstrução genealógica do pensar

Edição: 529

Leia mais

Mais Lidos

  • O cisma. Artigo de Raniero La Valle

    LER MAIS
  • “O santo Povo de Deus olha para nós e espera de nós não meras e óbvias condenações, mas medidas concretas e eficazes”, afirma Francisco

    LER MAIS
  • O catecismo do cardeal Gerhard Müller. Artigo de Phyllis Zagano

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

Por: Guilherme Tenher e Marilene Maia | 23 Novembro 2018

O terceiro trimestre de 2018 apresentou resultado negativo entre admissões e desligamentos no Vale do Sinos.  O Observatório da realidade e das políticas públicas do Vale do Rios dos Sinos - ObservaSinos, programa do Instituto Humanitas Unisinos - IHU, acessou a base de dados disponibilizada pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados - CAGED, em busca das movimentações do mercado de trabalho da região no terceiro trimestre deste ano.

Foram contratados 33.325 trabalhadores na região, ao passo que 34.129 foram desligados de seus respectivos postos de trabalho, contabilizando um saldo negativo de 804.

Canoas se destaca pelo maior saldo negativo, sendo 7.792 contratados e 8.467 demissões, resultando em 675 postos de trabalho a menos para o trimestre analisado. Novo Hamburgo registrou um saldo negativo de 368 (7.071 admissões e 7.439 desligamentos), seguido de Esteio com -344 (1.482 contratados e 1.826 demitidos) e Nova Hartz com -266 (362 admissões e 628 demissões).

São Leopoldo, por outro lado, contratou mais do que demitiu. Foram registradas 6.269 admissões e 5.403 desligamentos, resultando um saldo positivo de 866 trabalhadores, o maior da região. Sapucaia do Sul, em seguida, registrou 104 contratações a mais (1.697 admissões e 1.593 demissões). Os municípios que também apresentaram resultados positivos foram Araricá (20), Campo Bom (32), Ivoti (22), Nova Santa Rita (7) e Sapiranga (49).

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Vale do Sinos demitiu mais do que contratou no terceiro trimestre deste ano - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV
Fechar

Deixe seu Comentário

profile picture
ASAV