Santo Agostinho na oração inter-religiosa desta semana

Revista ihu on-line

Renúncia suprema. O suicídio em debate

Edição: 515

Leia mais

Lutero e a Reforma – 500 anos depois. Um debate

Edição: 514

Leia mais

Bioética e o contexto hermenêutico da Biopolítica

Edição: 513

Leia mais

Mais Lidos

  • Judith Butler escreve sobre sua teoria de gênero e o ataque sofrido no Brasil

    LER MAIS
  • A nova internacional é de extrema direita

    LER MAIS
  • Dentro da primeira igreja de Inteligência Artificial

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Enviar

21 Julho 2017

Neste espaço se entrelaçam poesia e mística. Por meio de orações de mestres espirituais de diferentes religiões, mergulhamos no Mistério que é a absoluta transcendência e a absoluta proximidade. Este serviço é uma iniciativa feita em parceria com o Prof. Dr. Faustino Teixeira, teólogo, professor e pesquisador do PPG em Ciências da Religião da Universidade Federal de Juiz de Fora - MG.

Tarde te amei

Tarde te amei,
beleza tão antiga e tão nova,
tarde te amei.
Mas eis: estavas dentro
e eu estava fora.
Lá fora eu te procurava
e me atirava, deforme
sobre as formosuras que fizeste.
Tu estavas comigo,
mas eu não estava contigo.
Mantinham-me longe de ti coisas que,
se não estivessem em ti, não seriam.
Chamaste e clamaste
e quebraste minha surdez;
faiscaste, resplandeceste
e expulsaste minha cegueira;
exalei e respirei e te aspirei;
saboreei e tenho fome e sede;
tocaste-me, e ardo na tua paz.

Fonte: Santo Agostinho. Confissões. São Paulo: Companhia das Letras, 2017, p. 277 (Livro X - XXVII, 38)


Pintura de Santo Agostinho. Obra de Phillipe de
Champaigne, 1645-50, localizada no Museu de Los Angeles.

Santo Agostinho (Agostinho de Hipona - 354-430): Um dos mais importantes filósofos e teólogos da era medieval, influenciou o cristianismo e a filosofia do ocidente, também é apontado como um dos mais notáveis pensadores da Patrística, filosofia cristã católica responsável pela criação das doutrinas de fé da igreja. Suas obras continuam sendo estudas até hoje e as mais relevantes são A cidade de Deus (413-426) e Confissões (397-398), sendo esta última uma autobiografia em que ele dialoga com Deus, antes da sua conversão ao cristianismo. Nesse livro explica que a palavra "confissões", mais do que o ato de se confessar, significa adorar a Deus. O bispo de Hipona, cidade localizada ao norte da África (atual Argélia), acreditava que a graça de Jesus era vital para a liberdade humana. Entre suas contribuições filosóficas, ajudou a desenvolver a doutrina do pecado original e cooperou com a elaboração da teoria da guerra justa. 

Entre as igrejas cristãs, a Igreja Católica e a Comunhão Anglicana idolatram Agostinho como santo; alguns luteranos o consideram como "pai teológico" das ideias que influenciaram a Reforma Protestante, em virtude das suas teorias sobre a salvação e a graça divina; já a Igreja Ortodoxa não aceita algumas de suas doutrinas, entre elas, a do pecado original. Seu dia é celebrado em 28 de agosto, possível data da sua morte, e é visto como o religioso padroeiro dos teólogos. 

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Santo Agostinho na oração inter-religiosa desta semana - Instituto Humanitas Unisinos - IHU

##CHILD
picture
ASAV